Alimentação nas férias escolares. Como fazer boas escolhas?

 

As férias escolares são aguardadas pelas crianças e adolescentes durante todo o ano letivo. Neste período, é comum dormir e acordar mais tarde ou realizar viagens que envolvem diferentes fusos horários causando muitas vezes, alterações na rotina alimentar.

É muito importante que os pais tenham consciência que para os filhos a alimentação também é reconfortante. Quando crescerem, provavelmente vão se lembrar daquele bolo de cenoura que a mãe fazia nas férias, ou daquele sorvete que o pai levava para experimentar durante este período. Desta maneira, é interessante que os pais aproveitem essa época para estimular que os filhos tenham além de guloseimas, acesso a alimentos considerados saudáveis, pois estes vão remeter a um estado de felicidade no futuro.

Aproveite as férias escolares para cozinhar junto com seus filhos. Pode ser uma preparação básica como uma pipoca, por exemplo, mas não faça de microondas. A pipoca é rica em fibras, compostos polifenólicos, antioxidantes, vitamina do complexo B, potássio, fósforo, zinco e manganês. No entanto, é preciso se atentar aos ingredientes do preparo. Muitas vezes, é preparada com quantidades exageradas de gordura, açúcar e sal, o que pode levar a um consumo excessivo.

Outra opção é preparar bolos com a ajuda das crianças. Esta é uma oportunidade para ensiná-los sobre os ingredientes necessários para fazer estas preparações e fazê-los experimentar opções como bolo de cenoura, bolo de banana, bolo de maçã e até novas possibilidades que vão agregar valores ao paladar.

Outra dica importante é manter sempre sua fruteira cheia de opções. Crianças até 6 anos em geral, são bem ativas e nada melhor do que o consumo de frutas para atender as necessidades de micronutrientes que os pequenos precisam.

Vai sair para tomar sorvete? Prefira picolés de frutas ou, vá de açaí. Hoje em dia a maioria das crianças e adolescentes gostam dessa opção que além de ser saudável, proporciona boa quantidade de energia, é uma fruta rica em proteínas e excelente fonte de vitaminas e minerais.

Invista sempre em sucos naturais, água de coco e verduras frescas que hidratam as crianças e substituem refrigerantes e refrescos cheios de açúcar, conservantes e aromatizantes.

Além de cuidar da alimentação, procure realizar atividades ao ar livre com seus filhos. As crianças e adolescentes tendem a passar muitas horas em frente à TV ou utilizando tabletes e computadores. Muitas vezes, os pais não conseguem sair de férias duas vezes por ano para acompanhar os filhos em todas as atividades, mas é importante que nas horas vagas, façam atividades juntos e proporcione momentos de lazer unido atividade física e boa alimentação.

Ana Beatriz Nicoletti é Nutricionista e escreve no Acontece Botucatu