Brasil entra na briga pela Embraer na OMC

 

Embraer/Divulgação

O Brasil apresenta amanhã na Organização Mundial do Comércio (OMC) um pedido de consultas ao governo canadense sobre os subsídios dados à Bombardier, concorrente direta da Embraer no setor de jatos comerciais. De acordo com o governo brasileiro, foram cerca de U$D 4 bilhões oferecidos pelo Canadá à Bombardier — cerca de U$D 2,5 bilhões só no ano passado.

Com dólares a rodo, a Bombardier não apenas conseguiu completar o desenvolvimento da sua nova família de aviões — a C-Series — como pôde também oferecer o produto abaixo do preço de custo no mercado, ganhando, de acordo com os dados do governo brasileiro, concorrências graças a esses preços artificiais.

Fonte: O Globo