Reunião sobre exploração infantil foi bastante concorrida

Aproximadamente, 200 pessoas participaram, na noite desta quarta-feira (18), da Reunião Pública alusiva ao ‘Dia Nacional de Combate ao Abuso e ? Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes’, lembrado em 18 de maio, de acordo com Lei Federal (9.970/2000).

O evento, idealizado pelo vereador Fontão (PSDB) e realizado na sede da Câmara Municipal de Botucatu, contou com a presença dos três Poderes Públicos, além dos mais variados setores da sociedade civil, de universidades, escolas do Ensino Médio, 3º Setor, Ordem dos Advogados do Brasil (25ª Subseção de Botucatu), entre outros.

Para o parlamentar, a importância do encontro se deve ? atualidade do tema e a necessidade de integração de todos os setores da sociedade. “Apenas com a união de todos os serviços de Assistência, de Saúde, da força Policial, entre outros, que conseguiremos prevenir e combater o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes”, destaca.

Fontão aponta que o número de participantes já era esperado. “Sabemos que o tema é de interesse de toda a sociedade e, por isso, acreditava em bom público”, afirma. “Mas, não imaginei uma reunião em que houvesse pessoas em pé”, pondera.

O tucano avalia positivamente a iniciativa. “O debate empreendido foi altíssimo nível e bastante esclarecedor. Tenho a certeza de que as pessoas que participaram saíram do encontro mais conscientes e comprometidas com a causa”, acredita.

Neste contexto, o parlamentar também destaca a intensa participação dos botucatuenses presentes. “Tivemos muitas perguntas, comentários, dúvidas e posicionamentos. Tudo isso foi muito bom para conduzirmos o debate de forma construtiva”, diz.

O vereador ainda afirma que é fundamental que a sociedade civil coloque em discussão pública temas polêmicos como o da exploração sexual infantil. “Muitas vezes, esse tipo de crime é protegido por uma espécie de ‘código do silêncio’, motivado pela indiferença da sociedade e pela cultura de impunidade dos agressores”, coloca Fontão. “Com o diálogo aberto entre os setores, com o apoio de toda a sociedade, iremos conseguir dar uma resposta a essa questão”, emenda o vereador.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Câmara Municipal de Botucatu
Fotos: André Luís Lourenço