Justiça Eleitoral realiza simulação de votação

O juiz eleitoral da Comarca de Botucatu, José Antônio Tedeschi, está trazendo algumas informações sobre como votar, já que a complexidade do voto nesta eleição é maior do que em eleições municipais, tendo em vista que estarão cinco cargos em disputa, a saber: deputado estadual (5 dígitos), deputado federal (04 dígitos), senador e suplentes (03 dígitos), governador e vice (02 dígitos) e presidente e vice (02 dígitos).


Com isso a Justiça Eleitoral expõe informações pertinentes para o treinamento da votação para todos os cargos em disputa nas eleições gerais de 2014 da mesma maneira que ocorrerá no dia do pleito, como se estivesse diante de uma urna eletrônica.

Desenvolvida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a página de simulação apresenta, para cada cargo, uma lista de candidatos e partidos fictícios (partido dos esportes, partido dos ritmos musicais, partido das profissões, partido das festas populares e partido do folclore).  A pessoa poderá navegar pelos partidos usando as setas para direita e para esquerda na filipeta de candidatos no alto da página.

Antes de votar no simulador, deve-se selecionar o tipo de eleição da qual deseja participar. Se você escolher o link “Urna – Eleição 2014 – Brasil”, poderá votar para os seguintes cargos em disputa: deputado estadual, deputado federal, senador (e suplentes), governador e vice-governador e presidente e vice-presidente.

A página também permite a simulação da votação no exterior, ou seja, para aqueles eleitores que residem e exercem o direito de voto em outro país, devendo, para tanto, clicar no link “Urna – Eleição 2014 – Exterior”. Ainda é possível simular a votação como se você estivesse em trânsito, isto é, fora do seu domicílio eleitoral no dia da eleição, acessando o link “Urna – Eleição 2014 – Voto em trânsito”. Em ambos os casos, você votará apenas para os cargos de presidente e vice-presidente.

No fim da votação, ou a qualquer momento, você poderá retornar à página inicial e reiniciar a votação (basta clicar no link “nova simulação”).

Devido a sua característica didática, caso o usuário realize um procedimento incorreto durante a votação, o simulador apresentará uma mensagem explicativa e a tela será bloqueada até que o usuário clique na mensagem apresentada.

 

Como Votar

Usando o teclado da urna, que é similar ao do telefone, digite o número do candidato de sua preferência. Na tela, aparecerão a foto, o número, o nome e a sigla do partido do candidato. Se as informações estiverem corretas, aperte a tecla verde Confirma. Após o registro do voto para todos os cargos a urna emitirá um sinal sonoro mais intenso e prolongado e aparecerá na tela a palavra Fim. Se não aparecerem na tela todas as informações sobre o candidato escolhido, aperte a tecla laranja Corrige e repita o procedimento anterior.

 

Como votar em branco

Para votar em branco, aperte a tecla Branco. Confirme apertando a tecla verde Confirma. Cuidado! Seu voto poderá ser nulo se você digitar um número de candidato ou de partido inexistentes e depois apertar a tecla verde Confirma.

A Justiça Eleitoral sugere que no dia da eleição é sempre aconselhável levar a “colinha”, com anotação dos números dos candidatos nos quais pretende votar nas eleições de outubro. Você pode levá-la para dentro da cabine de votação e checar os números dos candidatos que você escolheu para os cargos de deputado estadual, deputado federal, senador, governador e presidente da República. Além da cola, não esquecer de levar o título de eleitor e um documento oficial com foto.