Debate na reta final de campanha acontece na AAB

Fotos: Quico Cuter

Mais uma vez o Salão Social da Associação Atlética Botucatuense (AAB), foi palco do debate dos três candidatos a prefeito de Botucatu nas eleições municipais que acontecem neste domingo (07). O embate aconteceu na manhã desta quarta-fera (7), sendo este o segundo encontro promovido pela Rádio Criativa FM (98,9 MHz ou www.criativafm.com) e Jornal Mais Botucatu, tendo como mediadores os jornalistas Quinteiro Júnior e Clarissa Athaíde, com transmissão ao vivo pelo programa “Bom Dia Criativa”.

Assim como aconteceu no debate anterior, estiveram frente a frente o atual prefeito João Cury Neto (PSDB) que busca a reeleição encabeçando a coligação “Todos Juntos Pelo Melhor”; o ex-prefeito Mário Ielo (PT) da coligação “Botucatu Para Todos” e Gustavo Henrique Passerini Alves, o Bilo (PSOL).

Todos os três candidatos tiveram a oportunidade de explanar suas propostas de gestão e questionarem seus adversários em temas como Saúde, Saneamento Básico, Educação, Turismo, Mobilidade Urbana, entre outros. Em vários momentos o embate foi protagonizado entre o atual prefeito João Cury Neto e o ex-prefeito Mário Ielo, principalmente, no tema Saúde Pública. No meio de ambos, Gustavo Bilo que nunca ocupou um cargo público, dividiu suas perguntas entre os dois candidatos.

Embora debatendo temas polêmicos e com algumas trocas de farpas, foram raros os momentos em que os candidatos elevaram o tom de voz e nenhuma ofensa pessoal foi registrada. Uma comissão julgadora formada pelo empresário Sandro Coltri e os advogados Nuno Augusto Pereira Garcia e Juliana Alves Cota Capeluppi, para avaliar o pedido de direito de resposta, não foi acionada em nenhum momento.

Quinteiro Júnior que mediou os dois confrontos, ressaltou que os debates foram de alto nível e os candidatos se respeitaram, contando com alguns momentos de tensão, o que foi considerado normal. “Mais uma vez desenvolvemos o debate com a maior lisura possível, dando aos eleitores botucatuenses a oportunidade de conhecer um pouco mais de cada um dos candidatos que apresentaram suas propostas de gestão e se questionaram”, observou Quinteiro.