Grupo de amigos monta ‘varal solidário’ de máscaras em praça de São Manuel

Itens de proteção foram doados pelos familiares dos envolvidos em São Manuel. A ideia é que quem não tem condições pegue a máscara e quem puder ajude com mais doações.

Em São Manuel, quem passa pela praça central da cidade se depara com um varal diferente. No lugar de roupas, os prendedores seguram máscaras que ficam expostas no local para quem precisa da proteção e não tem condições de comprar.

Quem quiser colaborar também pode deixar doações. A iniciativa do varal solidário foi do André Mirandola e seus amigos.

“Nós fazemos parte de uma ação social, o Quartel Solidário, e um dos integrantes teve essa ideia e começamos a nos mobilizar. Nossas mães e avós ajudaram nas doações e a ideia é retroalimentar. Quem precisa vem pega e quem puder ajuda com as doações”, explica.

A maior parte das máscaras foi confeccionada pelos próprios familiares do grupo que organizou a ação. Agora, eles esperam que seja formado um ciclo. Quem tem máscara para doar, deixa à disposição no varal solidário. E quem precisa, fica à vontade para pegar.

O objetivo do grupo é aumentar a proteção dos moradores contra o coronavírus, já que o risco de contágio cai bastante se todas as pessoas usarem as máscaras da forma correta. Por isso, além das máscaras, eles também fixaram placas com orientações sobre o uso correto.

São Manuel registrava até a manhã desta sexta-feira (15), 23 casos positivo de Covid-19, entre eles uma morte.