“… ENTÃO É NATAL, E O QUE VOCÊ FEZ? O ANO TERMINA, E NASCE OUTRA VEZ…”

 

Imagem internet

“… ENTÃO É NATAL, E O QUE VOCÊ FEZ? O ANO TERMINA E NASCE OUTRA VEZ.

ENTÃO É NATAL, A FESTA CRISTÃ, DO VELHO E DO NOVO, DO AMOR COMO UM TODO.

ENTÃO É NATAL, E UM ANO NOVO TAMBÉM, QUE SEJA FELIZ QUEM, SOUBER O QUE É O BEM…” . (Simone)

Pois bem, ENTÃO É NATAL, e nada como os lindos dizeres que compõem a letra desta maravilha de música, interpretada pela cantora SIMONE, para refletirmos sobre o terrível momento pelo qual passa toda a Nação Brasileira e, mais ainda, para fazermos um balanço de como foi o ano que está próximo do seu final.

Triste demais para “nóis”, colunistas, que apreciamos levar nossas mensagens àqueles que nos acompanham, “falar” das barbaridades que escandalizaram todo o povo brasileiro ao longo de todo o ano de 2017, num momento tão encantador como este, em que as famílias se abraçam, festejam o nascimento do Menino Jesus e também dão boas-vindas ao ANO NOVO, no entanto, é quase impossível deixar de repudiar a triste realidade (dificuldades de todo tipo) que muitas famílias (muitas mesmo) enfrentam para a sua sobrevivência. Neste Brasil de meia dúzia de picaretas até o Dia de Natal vai ser difícil para muitos dos nossos irmãos.

“Bão”, se por um lado falta tudo, até o desrespeito com a nossa gente, do outro, graças a Deus a solidariedade – um fenômeno grandioso do povo brasileiro – continua num crescer sem dimensões. Enquanto os nossos governantes não se entendem de jeito algum e continuam penalizando a nossa gente, afinal, se não bastassem a falta de empregos, a maldita inflação “rola solta” em tudo e “pra” tudo – vejam, por exemplo, o quanto a energia elétrica e o gás de cozinha (duas necessidades primordiais em todos os lares), subiram nos últimos doze meses – “nóis”, população, vamos fazendo a nossa parte. Aliás, depois de muitos anos volto a me lembrar de uma frase muito verdadeira que o meu querido e saudoso “paizão” Orlando de Almeida sempre dizia: QUEM AJUDA O POVO É O PRÓPRIO POVO! Verdade!

Repúdios à parte (evidente que a contra gosto, até porque depois de 49 anos recebendo em dia o meu 13º salário, eis que neste ano fiquei sem), vamos focar no título desta mensagem: “…ENTÃO É NATAL, E O QUE VOCÊ FEZ? O ANO TERMINA, E NASCE OUTRA VEZ..”. Com certeza, fizemos muito. Como disse, a SOLIDARIEDADE da nossa gente continua em alta. O que se vê de grupos de pessoas (dentre eles muitos jovens) desenvolvendo projetos sociais sem ajuda de órgãos públicos, é algo que merece os maiores elogios. Campanhas beneficentes, nem se fala; por sinal, nós que integramos o Grupo de Amigos Voluntários, há mais de duas décadas, também tivemos muito trabalho neste ano; com a ajuda da nossa conceituada Rádio Municipalista fizemos muitas promoções beneficentes, inclusive, na semana passada com a festa realizada no Estádio Municipal “João Roberto Pilan”, que reuniu milhares de crianças, e as que ocorrerão neste sábado em Vitoriana, e no Dia de Natal em Rubião Junior, encerraremos, com “chave de ouro”, a 16ª CAMPANHA DOS BRINQUEDOS.

Volto a dizer: ENTÃO É NATAL! E, nada melhor do que este momento  para não abrirmos mão da nossa fé e congraçarmos de verdade e agradecermos todos aqueles parceiros que, conosco, trilharam pelos caminhos deste mundo sofrido da miséria, da fome e da pobreza e, mais ainda, que entenderam a vontade que sempre tive de unir forças, abraçar causas e caminhar de mãos dadas em prol de um bem-estar para todos.

Através dos amigos Claudio Martineli, Marcelo Ruas e o querido Zé Massa que doaram uma quantidade enorme de cestas de alimentos ao nosso grupo; dos irmãos Eduardo e Renato Winckler; dos Doutores Giovani Faria da Silva e Tarcísio Miqueleto e dos amigos Eraldo Drago e José Carlos Aranha Losi, que me abraçaram na busca por captação de recursos para a compra de um equipamento médico (muito caro) para um senhor muito pobre, que dele necessita para continuar vivendo, cumprimento todos  os demais parceiros. FELIZ NATAL e um ANO NOVO muito especial a todos!

Rubens de Almeida – Alemão

alemao.famesp@gmail.com