VILA DA DIGNIDADE É INAUGURADA NO ANIVERSÁRIO DA CIDADE

Exatamente no dia em que a nossa solidária e hospitaleira “CIDADE DOS BONS ARES E DAS BOAS ESCOLAS” comemorou os 160 anos, o Governo do Estado contemplou Botucatu com outro Programa do Bem, diferentemente do que pensa e sustenta um cidadão “botucudo”, desses que sabe tudo e que é contra tudo e todos. Aliás, no último movimento contra a corrupção realizado aqui na terrinha, mais precisamente no Largo da Igreja São José, este homem (que acabou sendo muito vaiado) insistiu em falar mal do Governador Geraldo Alckmin e afirmar que a maioria dos políticos é corrupta. Bom, quanto a esta análise, tenho que concordar que ele até está com a razão; no entanto, a afirmação ficaria mais consistente se ele não tivesse “esquecido” de dizer que, em tempos idos, ele próprio integrou esta “panela” a que se refere. Enfim…

O povo beneficiado, desta vez, foi a nossa comunidade da “melhor idade”, que sobrevive, em grande parte, com uma renda baixíssima. Nossos idosos foram agraciados com um presente digno de um governo que preza pelo bem da sua gente. A Vila Dignidade já é uma realidade aqui no nosso município e foi entregue às 11 horas, do último dia 14 de abril.

A solenidade de entrega foi muito bonita e “pra” lá de concorrida. Muitas autoridades locais, entre elas, o nosso Prefeito Municipal João Cury Neto, o Presidente da Câmara Municipal, vereador André Rogério Barboza e outras tantas figuras expressivas recepcionaram calorosamente o Vice-Governador do Estado Márcio França.

Esta, por sinal, foi a primeira visita dele em nossa cidade. Pelo que viu e sentiu, nas poucas horas em que aqui esteve o vice-representante do povo paulista, certamente repetirá a frequência com que antigos governadores e seus vices governadores nos visitavam.

A cerimônia de inauguração da Vila Dignidade teve início com a bênção do querido Padre Delair Cuerva a todas as dependências de seu moderno conjunto de moradias (dezesseis ao todo), que recebeu o nome de um dos botucatuenses mais atuantes e solidários, o meu saudoso amigo Álvaro Picado Gonçalves, o eterno Presidente do nosso Asilo Padre Euclydes. Não tenho dúvida alguma de que este cantinho maravilhoso que abrigará muitos e muitos “velhinhos e velhinhas” terá constantes graças e uma proteção divina forte e duradoura.

Como faço costumeiramente em todas as inaugurações de que participo me atrevi a conhecer “tim tim por tim tim” do projeto que receberá aqueles nossos irmãos da terceira idade que, infelizmente, não têm entes familiares que os auxiliem (confesso que gostei de tudo: rampas, pisos antiderrapantes em todos os cômodos, barras de apoio, enfim, todo o respeito à acessibilidade necessária e um aparato que dará mais segurança aos “moradores”) e, mais ainda, adorei o lineamento criado para a execução do programa, pela Secretaria de Assistência Social do município que, já há algum tempo vem sendo maravilhosamente bem comandado pela minha amiga Amélia Maria Sibar. Tudo muito bem esboçado.

Parabéns, grande Prefeito João Cury Neto, por “abraçar” uma causa que nem mesmo o Governo Federal teve coragem de colocar em prática até agora, ou seja, cuidar com carinho da pessoa idosa. Aliás, o que o pessoal lá de Brasília faz, com muita propriedade, em “favor” da população idosa, além da constante desmoralização, é enxugar, cada vez mais, o salário de quem trabalhou a vida inteira e hoje, com o que ganha, sequer consegue ter uma vida digna.  

QUICO CUTER LANÇA O SEU NOVO LIVRO

Na noite do último 9 de abril, o salão social II da Associação Atlética Botucatuense recebeu um “punhado” de pessoas ilustres (João Cury Neto, Professor José Sebastião Pires Mendes, Olavo Pinheiro Godoy, Lelo Pagani, Caio Paganini Burini, Jenifer e Joca Donida, Jânio Gonçalves, João Carlos Figueiroa, Mário e Rose Ielo, Doutor Adjair de Campos, Paulo Renato de Souza, André Rogério “Curumim” Barboza, Doutor Caco Colenci, Paulinho Sergio Alves, Ednei Lázaro Carreira, Alessandra Lucchesi de Oliveira, entre outros), diversos colegas da mídia local (Enza e Carlinhos Denadai, Paulinho Goes, Rô Luz, Abelardo da Costa Neto) e muitos familiares do “dono da noite”  que foram até lá, levar o seu abraço a uma pessoa especial com quem, por longos anos, trabalhei no “Diário da Serra” e que, para a minha surpresa também é do “ramo” teatral: meu amigo Quico Cuter

Este respeitável jornalista, com apoio da Secretaria Municipal da Cultura, através do Projeto Pipa, Sindicato dos Comerciários, Chopp Glarus e do “time” inteirinho da RESIPLAN, em meio à muita festa, lançou o seu novo livro: LEVITANDO ENTRE RIMAS E VERSOS.

Parabéns, por mais esta conquista, grande Quico. A sua nova obra, além de muito bonita, encantará a imaginação dos que apreciam uma boa leitura.

Prazerosamente, envio um fraternal abraço a todo o pessoal do Colégio La Salle, professores, funcionários e alunos. Mais uma ação solidária, que teve à frente a Professora Nilcea Arruda, coordenadora da PAJULA – Pastoral da Juventude Lassalista e com a participação maciça dos alunos desta importante instituição da cidade, culminou com a doação de uma quantidade enorme de caixas de bombons destinadas às crianças “hóspedes” nas Casas de Apoio da FAMESP, bem como as crianças da Creche “Rita Maria Valença Luz Borgatto”, moradoras no sofrido Porto Said.

Que maravilha! Foi gostoso demais distribuir, nos dias que antecederam o Domingo de Páscoa, um “pedacinho” do coração de cada um dos alunos que realizaram, com muito sucesso, esta oportuna campanha de amor ao próximo. Obrigado a todos.

Meu carinhoso abraço desta semana é endereçado exclusivamente a um amigo que consegui muitos anos atrás, Gentil Pereira da Silva. Para minha satisfação o moço da Vidraçaria CATIGUÁ me acompanha em tudo e, se isso não bastasse, ainda é assíduo leitor dos meus “causos” aqui contados. Obrigado pelo carinho meu irmão.

Rubens de Almeida – Alemão

alemao.famesp@gmail.com