Botucatu tem oficialmente 4 candidatos a Prefeito na eleição de 15 de novembro

Candidaturas definidas em Botucatu

Este sábado, dia 26, foi o último dia para o registro das candidaturas a Prefeito após o período de convenções em setembro. Izaias Colino (PSL) e Mário Pardini (PSDB) já haviam feito com antecedência logo após a ratificação de seus nomes.

Nesta sexta-feira, dia 25, foi a vez do PT registrar a candidatura de Priscila Firmino, após convenções de PT e PC do B nas últimas semanas.

No último dia, a última candidatura registrada. Mário Ielo deixou para a madrugada de hoje o registro de sua candidatura ao Executivo de Botucatu no dia 15 de novembro.

Pedro Luiz Pimentel Pereira, do PCO, não fez o registro até o fechamento dessa matéria, tarde de sábado, segundo consulta feita pelo Acontece Botucatu com a Justiça Eleitoral.

Os registros de candidaturas passam a valer neste domingo, dia 27. Desta forma o cenário oficialmente está definido e se apresenta da seguinte forma:

Izaias Colino e Kátia Firmino Christófalo

Divulgação PSL

A Comissão provisória do PSL de Botucatu lançou oficialmente no dia 13 a pré-candidatura de Izaias Colino a Prefeito de Botucatu. O encontro ocorreu na sede da Faculdade de Botucatu – UNIBR.

A vice de Izaias é a Tenente Coronel Kátia Firmino Christófalo (PODEMOS), que estava atuando no comando da Polícia Rodoviária de Araraquara.

Izaias Colino está em seu segundo mandato como Vereador. Na eleição de 2016, foi o mais votado em Botucatu, com 2.257 votos. Ele foi Presidente da Câmara no biênio 2017/2018.

Mário Ielo e Tânia Madrid

Arquivo Acontece Botucatu

Novamente o ex-Prefeito Mário Ielo foi o escolhido, com Tânia Madrid formando uma chapa pura, conforme ata entregue para a Justiça Eleitoral.

Mário Ielo perdeu a eleição de 2016, ficando em segundo lugar na disputa com 21.663 votos, ou seja, 32% do eleitorado botucatuense.

Ielo disputou outras cinco vezes a Prefeitura (96, 2000, 2004 e 2012), indo para sua sexta eleição. Foi Prefeito de Botucatu nas gestões 2001/2004 e 2005/2008).

Mário Pardini (PSDB) e André Peres (DEM)

Arquivo Acontece Botucatu

Ambos foram confirmados no início de setembro. A Coligação que tentará a reeleição se chama“Botucatu Não Pode Parar”, com a participação dos partidos PSDB, DEM, PL, Republicanos, Rede, PP, Pros, PSB, Cidadania e PTB.

Na eleição de 2016 Mário Pardini, então iniciante na política, obteve 39.045 votos, vencendo a eleição com 58,20% dos votos válidos.

Priscila Firmino e Cida

Priscila Firmino foi confirmada em convenções do PT, que terá coligação com o PC do B, que ainda realizará sua convenção no dia 16.

A vice de Priscila Firmino será Aparecida Donizete Franco, mais conhecida como Cida, Assistente Social em Botucatu e filiada do PC do B.

Priscila vai debutar em uma disputa eleitoral e Cida foi candidata a vereadora em 2016, quando teve 352 votos. Pela primeira vez duas mulheres vão compor uma chapa no campo Majoritário em Botucatu.

Veja também no Acontece Botucatu

Acontece Botucatu e Rádios Cultura e Criativa farão debates entre candidatos a Prefeito de Botucatu