Interno da Fundação Casa tenta matar agente no CAPs de Jaú

Foto divulgação

Um interno da Fundação Casa do município de Iaras, de 18 anos, tentou matar um agente socioeducativo, nesta manhã de segunda-feira (22), após fugir de uma consulta psiquiátrica no Centro de Atenção Psicossocial de Jaú (47 quilômetros de Bauru).

A Polícia Militar alega que o médico do CAPs, cuja identidade não foi revelada, solicitou que as algemas do rapaz fossem abertas, durante a consulta, e que o interno fugiu após ter os punhos livres. Já a Secretaria de Saúde de Jaú, por meio de nota, alega que o rapaz pediu várias vezes para retirarem as algemas por estar sofrendo de diarreia. E que após uma das idas ao banheiro, fugiu do local.

O agente socioeducativo foi atrás dele e, do lado de fora do CAPs, foi surpreendido por uma paulada que fraturou sua mão direita. Ainda de acordo com a PM, o interno utilizou ainda cacos de vidro para ameaçar e tentar cortar o pescoço do agente. Com a aproximação dos policiais, ele se entregou.

O rapaz de 18 anos cumpre medida socioeducativa por homicídio cometido aos 16 anos e também possui passagens pela polícia por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. Ele prestou depoimento na Central de Polícia Judiciária (CPJ) e segue preso por tentativa de homicídio.

Fonte: Jcnet