Caso de jovem assassinado em boate de Botucatu será julgado nesta quinta-feira, 08

Arquivo Acontece Botucatu

O Fórum de Botucatu vai presenciar nesta quinta-feira, dia 08, um dos juris mais aguardados dos últimos anos. O crime em questão é um assassinato dentro de uma casa noturna na Avenida Vital Brasil, área centra de Botucatu.

Na madrugada do dia 03 de julho, durante uma festa, Bruceli Adonis Soares foi morto por José Luis dos Santos, 33 anos, que desferiu na oportunidade diversos golpes com uma garrafa quebrada contra a vítima. A vítima era de Itatinga e trabalhava na Duratex.

A acusação vai trabalhar em cima de pontos que qualificam o crime, como meio cruel, motivo torpe e ação que dificultou a defesa da vítima, ou seja, dispositivos que constam na legislação penal.

Devem atuar no caso os advogados Edson Coneglian e Fernando Bicudo, além do Promotor Marcos Corvino. A Presidência do Tribunal do Júri da Comarca de Botucatu é do juiz Henrique Latarola. O Júri tem previsão de início para às 9 horas. (Com informações da Agência 14 News e Fórum Botucatu).

Relembre o caso

A Guarda Civil Municipal registrou um caso de assassinato na madrugada dia 03 de julho de 2017, em uma casa noturna de Botucatu. A vítima é um homem, de 29 anos, que sofreu golpes de garrafa após um desentendimento dentro do estabelecimento na Avenida Vital Brasil.

Houve uma briga no local entre vítima e agressor, sendo que Bruceli Adonis Soares foi atingido com uma garrafa quebrada na região do pescoço. O Acontece Botucatu recebeu imagens do local e do crime, mas não irá levá-las ao ar por respeito à família e por serem fortes demais.

Ainda não se sabe até o momento o real motivo da briga dentro do bar. Segundo informações, a Guarda Municipal, em patrulhamento, prendeu nas imediações o suspeito do assassinado, sendo identificado como um auxiliar de enfermagem, José Luis do Santos.  O fato foi apresentado no Plantão Permanente e a Polícia Civil investigou o caso.