Câmara fará Audiência Pública para debater delimitação dos perímetros urbanos em Botucatu

Geral
Câmara fará Audiência Pública para debater delimitação dos perímetros urbanos em Botucatu 23 abril 2020

Discussão em Botucatu ocorrerá em maio

Botucatu
Foto M&M Imagens

O Presidente da Câmara, Vereador Ednei Lázaro da Costa Carreira, convocou uma Audiência Pública para o dia 12 de maio, uma terça-feira, para debater a delimitação dos perímetros urbanos no município de Botucatu. O tema consta no Projeto de Lei nº 010/2020, enviado pela Prefeitura e que está em trâmite na Casa de Leis.

O formato da audiência (presencial ou remota) será definido oportunamente. Isso vai depender da situação que se verificar no momento de acordo com as medidas de restrição e de isolamento decorrentes da pandemia do COVID-19.

Segundo a justificativa enviada para a Prefeitura, tendo em vista a aprovação do Novo Plano Diretor Participativo do Município de Botucatu através da Lei Complementar Municipal nº 1.224, de 6 de outubro de 2017, e da Lei Municipal nº 6.095, de 2 de setembro de 2019, que dispõe sobre o Parcelamento de Solo, que atualizaram os parâmetros urbanísticos do Município, criou-se também a necessidade de atualização da delimitação dos Perímetros Urbanos no Município de Botucatu e respectivos Distritos.

Basicamente a cidade tem limites para construções eles precisam ser ampliados, segundo o Executivo Municipal. Com a permanência desses limites, novos loteamentos e conjuntos habitacionais podem ser impedidos em Botucatu.

Tais alterações foram realizadas através de estudos discutidos e realizados por um grupo de trabalho que concluiu pela necessidade de alterações nos perímetros urbanos do Município Sede de Botucatu e do distrito de Rubião Junior, promovendo a separação entre os mesmos; manutenção dos perímetros urbanos dos Bairros de Piapara e Santo Antônio de Sorocaba; alteração dos perímetros urbanos do Distrito de Vitoriana e do Bairro de Anhumas; desmembramento com alterações do perímetro urbano do Loteamento Rio Bonito em 03 novos perímetros urbanos distintos e nomeados de Rio Bonito, Mina e Alvorada de Barra Bonita; e criação dos perímetros urbanos destinados ao Parque Fabril I, atualmente ocupado pelas empresa Duratex e Anidro, e ao Parque Fabril II, atualmente ocupado pela empresa Eucatex; conforme verifica-se nos mapas que acompanham o Projeto de Lei.

“É importante consignar que o Executivo Municipal realizou em 16 de dezembro audiência pública objetivando dar conhecimento e obter sugestões sobre a minuta do presente projeto de lei, cujas atas seguem em anexo”, explana o Secretário de Habitação do Município, José Carlos Broto.

Veja também no Acontece Botucatu

Comércio de Botucatu deve reabrir no dia 01 de maio com algumas restrições, diz Pardini

 

 

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
FREIRE MOTOS
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO