Matando no Peito com Zé Airton – 19/01/2019

=RECORDAÇÃO – A.A.BOTUCATUENSE=

Década dos anos 60 do século passado e mesclando atletas da cidade com outros vindos dos mais distantes rincões a querida VETERANA monta esse esquadrão da foto acima.

Lá da baixada subiram o Rubens Galvani e o Domingos Corvino; do Lageado veio o Arari; da Vila Maria a revelação Ademir França; de Bauru chegou o Miro; de Ribeirão Preto o Zezinho; de Andradina o Heitor; do Verdão e Moleque Travesso trouxeram o Nézio Ferri e também da Capital vieram o Silva, Roberto e William, ficando assim formado esse belo time que a representava nos Campeonatos Oficiais da Federação.

Posando em Antonio Delmanto, podemos observar:

Em pé: GALVANI – MIRO – MINGO – HEITOR – NÉZIO e ARARI, sua defesa.

Abaixados: ZEZINHO – ROBERTO – WILLIAM – SILVA e GRILO, seu ataque.

            Muitas recordações…

 

=RELEMBRANDO – USINA INDIANA=

Em um passado não muito distante, todos os domingos e feriados, havia futebol e dos bons, ali na descida da Serra, mais precisamente no belo campo de propriedade da Usina Indiana.

Eram atletas e moradores do local e região aos quais se juntavam outros aqui da cidade e formavam um aguerrido conjunto futebolístico, para disputas de torneios e partidas amistosas que faziam o lazer de seus inúmeros torcedores.

Na foto acima, posam os componentes de um de seus esquadrões, assim alinhados:

Em pé: JOÃO PRETO – VADO – HENRIQUE – MARINHO – JOÃO MORES – ZÉ CARLOS e o FÁBIO.

Abaixados: NÉLIO – CAMILO – GUILHERME – BAIANINHO – SIDNEY GÓES e o LORE GÓES.

Grandes momentos…

 

=SE É FOTO É FATO=

Bastante gratificante se torna para nós a ocasião em que temos a oportunidade de tomar conhecimento de que um Filho, ainda bem jovem, vem seguindo as pegadas do Pai na prática esportiva de sua preferência.

Desta feita, a foto anexa nos revela posando juntos em quadra e devidamente uniformizados, antes de um bate bola familiar, o prezado ALESSANDRO CALEJON  atleta do Futebol de Quinta onde é mais conhecido como “o homem dos gols bonitos” e seu filho DANIEL que vem dando seus primeiros passos com bastante brilhantismo na Escolinha de Futsal da Ferroviária.

Extraoficialmente tomamos conhecimento de que no bate bola acima citado,  juntos ambos fizeram 9 gols ( o garoto fez 8 e o pai 1 contra)…

Parabéns gente amiga, pois no esporte aqueles que jogam juntos na vida real estão “semprejuntos”.

 

=EPÍLOGO=

“OS POSSÍVEIS EQUÍVOCOS DE SEU ADVERSÁRIO NÃO AUMENTAM SUAS QUALIDADES.”