Matando no Peito, com Zé Airton – 09/02/2019

=RELEMBRANDO – AMADOR A.A.F./1959=

O único detalhe que os diferenciava dos profissionais era o fato de não receber salário, pois jogavam por amor a arte do futebol, eram, pois amadores na acepção do termo.

Na foto anexa posa o esquadrão amador da A.A.Ferroviária, assim alinhado:

DE PÉ: CARLITINHO – ALEMÃO II – CHICÃO FUNARI – LOLO e LALUNA…

ABAIXADOS: FLAVIO SASSO – SHIRLEY LESSA – GERALDO PERCARIO – BRAULIO e o PEDRO GODINHO.

    Alguns desses amigos hoje moram no Céu…

 

=RECORDANDO – A.A.BOTUCATUENSE FUTSAL=

Apregoam os entendidos em esportes que toda realização que é feita precedida de um planejamento sério e honesto e que merece ainda o apoio e incentivo daqueles que a dirigem, logo colhe seus frutos positivos.

Isso aconteceu com a equipe principal de futsal da A.A. BOTUCATUENSE no ano de 2012, que representando nossa cidade, conquistou brilhantemente e de forma invicta o título da SUPERCOPA DA TV RECORD, sendo 12 vitórias em 12 partidas disputadas.

Sua constituição naquela ocasião posa na foto anexa assim alinhados:

DE PÉ: BUZUCA – MURILÃO TANCLER – BRAVIN – BUIU – ENZO – GU ARBEX – CÉSAR – RODRIGÃO – MARCÃO e Professor GILDO.

ABAIXADOS: RICARDO – GUILHERME – DIEGO – VINÍCIUS – TILICO –  BOQUINHA e BATATA.

 

=SE É FOTO É FATO=

Tempos atrás havia na nossa Vila dos Lavradores um time de criançada (infantil) formada, mantida e dirigida pelo nosso saudoso amigo LUIZ CARLOS MENEGUELA.

Foi precisamente, no feriado do dia 7 de setembro de 1988 que visitou nossa cidade a equipe infantil da Ponte Preta de Campinas famosa Macaca para uma partida amistosa sendo que a foto anexa nos revela o exato momento em que o capitão do Brasinhas, atleta LEANDRO ROMAGNOLI oferecia um troféu de participação ao capitão pontepretano, fazendo ainda parte da roda que presenciava a solenidade da esquerda para direita:

GUILHERME MICHELIN – ZÉ AIRTON – ZÉ LINGÜIÇA – ALEXANDRE ANGELA – GUEDINHO – SILVIO PIBO – O BATAGLIA E SEUS DOIS GAROTOS.

O local é o belíssimo campo da Caio que recebeu grande público sendo que a eletrizante partida acabou empatada em dois tentos.

  =EPÍLOGO=

“NUNCA SEGURES UMA LÁGRIMA PARA MOSTRAR QUE TENS FORÇA, DEIXE-A ROLAR PARA MOSTRAR QUE TENS SENTIMENTO”.