Matando no Peito com Zé Airton – 04/07/2021

 

=A.A.B. FUTSAL 1989=

Imensa satisfação sentimos, semana que passou, ao ouvirmos noticias extra-oficiais que anunciavam para breve a volta da tradicional COPA SUPER ZÉ DE FUTSAL, disputa essa realizada com grande sucesso nas décadas 80/90 no Ginásio da A.A.Botucatuense e que muito contribuiu para a evolução do esporte da bola pesada em nossa cidade revelando grandes valores na pratica dessa modalidade…

Em assim sendo recordamos nesta oportunidade da jovem equipe Pré-Mirim da AAB que se tornou campeã dessa categoria no ano de 1989 que posa na foto anexa assim alinhada:

DE PÉ: MARCOS REIS – RICARDO REIS – RODRIGO PIOZZI – FABRÍCIO SCHINCARIOL – GU ARBEX e o técnico PEDRO DIAS.

ABAIXADOS: MURILO NOVAES – CÉSAR – MORESSI E RENATO SERRÃO.

 

= RELEMBRANDO – NOSSO FUTEBOL AMADOR ANTIGO – VILA APARECIDA=

            Década de 60, anos dourados do futebol amador botucudo, quando proliferavam pelos nossos bairros e vilas grandes equipes que os representavam condignamente.

Ali na nossa querida Vila Aparecida, assim não poderia ser diferente e sob a “batuta” do saudoso e inesquecível esportista ONOFRE DIONÍSIO, um grande esquadrão foi formado, cujos componentes posam na foto acima, assim alinhados:

Em pé: CARLOS – ADOLFO BARROS – JOÃO – IRINEU – TONINHO SANTANA (um gigante) – PERNAMBUCO – MILTON MARIANO e o técnico ONOFRE DIONÍSIO.

Abaixados: SERGINHO MAU – ALFREDINHO – JOÃO BAIANO –  DERMINHO FERREIRA (patrão da bola) e o NERO.

Recordar é viver…

 

=RELEMBRANDO – NOSSO BASQUETE ANTIGO 1957=

Não nos cansamos de afirmar semanalmente neste espaço, que nossa cidade foi, é e continuará sendo a terra de grandes esportistas, pois quer no atletismo, natação, vôlei, basquete, futebol, futsal, judô etc… sempre tivemos equipes de destaque honrando nossas tradições…

Uma prova evidente disso é a cinqüentenária foto acima que retrata jornada de gala do esporte botucudo quando, naquela memorável noite de sábado do longínquo abril de 1957, com seu ginásio de esportes abarrotado, a equipe de basquete do BTC derrota a equipe da S.E.Palmeiras da capital (sempre freguês) pelo marcador de 64×38, com seus atletas, sessenta e quatro anos mais novos, assim alinhados.

Em pé: BISSACOT – JARBAS BARROS – ELIAS FERRARI – NENÊ CANELAS – FERNÃO HÉLIO – EDON – AUGUSTO e o Professor ALCINO PELEGRINI (técnico).

Abaixados: HERMÍNIO BACHI – ALEMÃO – CARLINHOS DOMINGUES –  LINQUINHA e o DEMA VICENTINI.

Alguns desses amigos já nos deixaram.

 

=RELEMBRANDO – NOSSO VOLEIBOL ANTIGO 1969=

Hoje vamos relembrar da equipe masculina de voleibol, apresentando aquela “garotada” que nos representou nos XXXIV Jogos Abertos do Interior no ano de 1969 lá na distante Araraquara, podendo ser observados:

Em pé: (secretário) ARTUR SIMÕES – ADIP – BERTINHO MARABÁ – PAULO WILSON – ZÉ DE MARCHI e o técnico CAIO.

Abaixados: JOÃO CARLOS TOSTÃO – GILBERTO AMAT – PADOVANI e o BALARIN.

Alguns já nos deixaram e descansam em Paz.

 

=NOSSO ESPORTE – NOSSA GENTE=

Relatou-nos tempos atrás, nosso prezado amigo Otacílio Peru, que certa ocasião sua equipe do Boa Vista foi disputar um torneio em uma das cidades da região.

Na 1º fase bateu a todos os adversários que teve pela frente, ficando para a partida final e decisiva contra a equipe da casa.

Jogo duro caminhando empatado para seu final quando o árbitro resolveu mostrar “suas garras” e num potente chute do meia local contra nosso travessão, para espanto geral, assinalou gol.

Contestado por todos, com a maior “cara de pau”, explicou que como o travessão de madeira um tanto quanto já antigo estava arqueado para trás a “redonda” havia ultrapassado totalmente a linha fatal pintada no chão e que pela regra era gol…

Como regra é regra nosso querido B.V.F.C. teve que se conformar com o troféu de vice.

Coisas das regras do futebol…

 

=PERGUNTA DA SEMANA=

P – Em japonês qual o nome da nossa popular “diarréia?

R- KAGASÓAGUA!!!

 

=FRASE DA SEMANA=

“AS MÃOS QUE MAIS DEVES CONFIAR PARA VENCER NA VIDA SÃO AQUELAS QUE ESTÃO NAS PONTAS DE SEUS BRAÇOS”…

 

=EPÍLOGO=

“O CONHECIMENTO FALA…, A SABEDORIA ESCUTA…” (Filosófica)