Comércio de Botucatu vai funcionar apenas com delivery e drive-thru a partir de segunda, 08

Com a edição do novo decreto do Governo do Estado, colocando todas as regiões na fase vermelha, a mais restritiva do Plano São Paulo, Botucatu deve adotar o sistema de delivery e drive-thru em todo o comércio da cidade a partir da próxima segunda-feira, 08.

A informação foi dada pelo prefeito Mário Pardini, durante entrevista ao programa Bom Dia Criativa, da Rádio Criativa FM, na manhã desta sexta-feira, 05.

“Botucatu tem recebido muita pressão por aumento de internações nesse período. O Estado inteiro recua para a fase vermelha e aqui em Botucatu devemos cumprir essa fase, autorizando o sistema de delivery e drive-thru para os serviços não essenciais da cidade”, disse Pardini.

O governo de São Paulo regrediu todo o estado à fase vermelha, a mais restritiva da quarentena. A medida entre em vigor na primeira hora do próximo sábado, dia 06, devendo se estender até o dia 19 de março. O anúncio foi feito pelo governador João Doria (PSDB) na última quarta-feira (3). O objetivo é frear o contágio acelerado da Covid-19 nos municípios. Neste sábado, 06, o comércio de Botucatu ficará fechado.

A procuradoria jurídica da prefeitura de Botucatu ainda não definiu se um novo decreto será publicado ou não. Mas o prefeito disse que uma reunião foi realizada nesta quinta, 04, com representantes dos setores do comércio botucatuense, que estão cientes da necessidade neste momento.

Outro setor que terá regras para funcionamento será o das academias. “As academias a gente vai estimular que as atividades monitoradas não sejam suspensas, mas terão que ser ao ar livre, ou seja, infelizmente as academias tem que fechar”, completou o prefeito.

Já quanto a bares, lanchonetes e restaurantes, o pedido é para que também atendam em sistema de drive-thru ou delivery.

“Nessas próximas duas semanas é muito importante que todos fiquem em casa. Eu peço que a gente só saia de casa quando tiver que fazer um consumo essencial ou buscar o produto e voltar para casa. Os supermercados estarão abertos, porque são serviços essenciais, mas se não precisar ir ao mercado nessas duas semanas, não vá. Os restaurantes estão preparados para atender as famílias com o delivery”.

Ao final da entrevista, Pardini pediu mais uma vez um esforço da população para permanecerem em casa, em isolamento, para tentarmos diminuir o contágio do coronavírus na cidade.

“Não é hora de ficar passeando com a família em supermercado. A gente tem que ficar em casa para poder reduzir o número do contágio na cidade de dar um suspiro para os profissionais de saúde que estão dia e noite trabalhando nos hospitais para atender a população”, finalizou Pardini.

Veja também 

Pardini fará reunião com Johnson & Johnson para negociar compra de vacinas em Botucatu