Avenida Dante Delmanto terá nova rotatória

Um novo equipamento viário vai ajudar a resolver o principal problema da Avenida Dante Delmanto, na região norte de Botucatu: o trânsito lento nos horários de grande fluxo de veículos, principalmente para quem chega na Cidade. A Prefeitura iniciou o projeto para a instalação de uma rotatória na avenida, na altura da confluência com as Ruas Brasílio Panhozzi e Adolfo César.

O projeto, que escoará o trânsito da Dante para as Avenidas João Batista Carnieto e Júlio Vaz de Carvalho, partiu especialmente da necessidade de solução do trânsito intenso de veículos nos horários de pico, proporcionado principalmente pelos diversos veículos vindos do Distrito de Rubião Júnior.

“Milhares de pessoas que trabalham em Rubião Júnior, especialmente no Campus da Unesp, voltam para o Centro da Cidade pela Dante Delmanto, o que causa esse acúmulo de veículos na avenida. Essa rotatória irá ajudar a destinar os motoristas para outras regiões com mais facilidade, utilizando avenidas largas, sem falar na segurança que um equipamento desse proporciona”, afirma o Prefeito Mário Pardini.

Um detalhe importante nesse projeto é que parte da rotatória irá ocupar uma área particular, que será doada ao Município pelos proprietários, representados por Antônio Alberto Segala, do Grupo Berimbau.

“Essa é uma obra aguardada há muito tempo para melhorar o fluxo para todos que usam a avenida. Claro, que para nós comerciantes melhora também, mas pensamos em todos os usuários e entendemos o esforço da Prefeitura para construir a rotatória. Por isso fizemos a nossa parte”, explica Segala.

Após finalizar o projeto executivo da rotatória na Dante, será feita a reserva orçamentária para o início das obras, além da revitalização de toda a avenida. A expectativa do Poder Público Municipal é de que essa obra seja executada já em 2019.