Paraguaia forma-se médica por convênio com Unesp

A Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) formou, oficialmente, na quinta-feira, 9 de maio, mais uma médica que cursou a graduação por meio do Programa de Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G), do Ministério da Educação. A paraguaia Theresse Veddenne Lugo Candia colou grau em cerimônia realizada ? s 16 horas, na Sala da Congregação da FMB.
A aluna, que estava acompanhada por amigos, estava bastante emocionada pela conquista.Apesar de não ter podido contar com a presença de familiares, ela garantia estar bastante orgulhosa por ter superado todas as dificuldades para realizar o sonho de se tornar médica.
Participaram da cerimônia de colação de grau os diretores da FMB, professores Silvana Artioli Schellini e José Carlos Peraçoli. Representando a Congregação da FMB, fizeram parte da mesa de autoridades os professores Rossano César Bonatto e Joelma Gonçalves Martin, além da servidora Martha Negrisoli.

O Programa de Estudantes – Convênio de Graduação (PEC-G) oferece oportunidades de formação superior a cidadãos de países em desenvolvimento com os quais o Brasil mantém acordos educacionais e culturais. Desenvolvido pelos ministérios das Relações Exteriores e da Educação, em parceria com universidades públicas – federais e estaduais – e particulares, o PEC-G seleciona estrangeiros, entre 18 e 25 anos, com ensino médio completo, para realizar estudos de graduação no país.

O aluno estrangeiro selecionado cursa gratuitamente a graduação. Em contrapartida, deve atender a alguns critérios; entre eles, provar que é capaz de custear suas despesas no Brasil, ter certificado de conclusão do ensino médio ou curso equivalente e proficiência em língua portuguesa, no caso dos alunos de nações fora da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP).

São selecionadas preferencialmente pessoas inseridas em programas de desenvolvimento socioeconômico, acordados entre o Brasil e seus países de origem. Os acordos determinam a adoção pelo aluno do compromisso de regressar ao seu país e contribuir com a área na qual se graduou.

Fonte
Leandro Rocha
Assessoria de Comunicação e Imprensa da FMB