FMB prepara eventos para alunos durante o ano

A Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) tem buscado ampliar as parcerias com seus alunos e, por meio de uma iniciativa inédita, promoverá uma série de eventos até o fim do ano com objetivo de aprimorar o bem-estar e a qualidade de vida dos servidores, docentes e discentes. Atuando em conjunto com a Associação Atlética Acadêmica Carlos Henrique Sampaio de Almeida (AAACHSA) e o Centro Acadêmico Pirajá da Silva (CAPS), a FMB pretende estimular hábitos de vida saudáveis.

Em reunião realizada dia 23 de abril envolvendo integrantes de cada entidade, várias propostas foram apresentadas e deverão ser viabilizadas até o mês de dezembro. A AAACHSA apresentou projetos de ações, dentre eles destacam-se uma campanha de aferição de pressão arterial e cálculo de índice de massa corporal (IMC), palestra sobre uso apropriado de suplementos, campanha sobre higiene hospitalar, entre outras.

O CAPS, por sua vez, propôs três ações. A primeira delas é uma palestra sobre educação alimentar saudável e alimentos orgânicos. A segunda tem a finalidade de atualizar as carteiras de vacinação e, em caso de atraso de vacinas, dar encaminhamento ao Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais (CRIE) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB). E, por último, promover uma atividade prática de yoga e relaxamento com uma palestra sobre o tema.

Os acordos firmados surgiram de uma proposta feita pela articuladora da Rede Viva Melhor na FMB, Rosana Maria Barreto Colichi. Esse projeto (Rede Viva Melhor) envolve as unidades da Unesp numa rede de promoção de hábitos de vida saudáveis e ambientalmente sustentáveis.“Ficamos muito contentes por observar o nível dos projetos que foram apresentados, além da organização dos mesmos”, salienta a diretora da FMB, Silvana Artioli Schellini.

As iniciativas devem abranger funcionários, alunos e docentes da FMB. Parte das ações deve ter início no mês de maio. “Pessoas que escolhem como profissão cuidar de pessoas, como o são os alunos da Medicina e da Enfermagem, possuem a vocação para o cuidado. Contamos com alunos diferenciados que respondem a ideias brilhantes de forma exemplar”, finaliza a dirigente.