Unesp recepciona alunos do sexto ano de Medicina

Este é o último ano da graduação para os estudantes e é considerado um dos mais importantes, pois é o período em que complementam o internato e  passam por estágios obrigatórios

 

Dirigentes da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) e do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) recepcionaram na manhã desta segunda-feira, 11, os alunos do sexto ano do curso de Medicina. O encontro ocorreu no Salão Nobre da FMB e contou com a presença da vice-diretora da Faculdade, professora Maria Cristina Pereira Lima (Kika).

Este é o último ano da graduação em Medicina para os estudantes e é considerado um dos mais importantes, pois é o período em que complementam o internato e passam por estágios obrigatórios. “Deixem-se tocar pelos pacientes, preocupem-se com eles. Isso dá um outro sabor para a medicina, para a prática médica”, sugeriu professora Kika. A vice-diretora fez um discurso ressaltando a importância do profissional da área médica frente as enormes desigualdades existentes na população.

A coordenadora do curso, professora Jacqueline S. C. Teixeira Caramori, deu as boas-vindas aos veteranos, destacando o elevado potencial da turma. Falando sobre a importância de estabelecer uma boa relação entre médico e paciente, professora Jacqueline também lembrou o relevante papel do SUS na formação dos alunos. “Olhem para as pessoas que estão na frente de vocês e, como muitos de vocês já sabem fazer, façam essas pessoas sorrirem”, frisou.

Para a presidente da Comissão de Internato, professora Joelma Gonçalves Martin, o retorno dos estudantes de Medicina é um momento importante para a Faculdade. “A escola quer formar, como sempre, médicos diferenciados academicamente, mas humanisticamente também”, lembrou. A docente desejou sorte aos alunos nesta última etapa da graduação. “É importante que vocês tenham uma formação diferenciada. Vocês são alunos diferenciados por estarem aqui, vamos complementar. Vamos fazer melhor, mais bonito, de forma magistral”.

O chefe de gabinete do HCFMB, André Balbi, participou da recepção aos alunos do sexto ano e deixou sua mensagem de boas-vindas. Para ele, essa é uma etapa em que a vida dos estudantes passará por um processo de amadurecimento progressivo e contínuo.“É um ano muito prazeroso, muito difícil, mas muito proveitoso”, disse.

 

Sobre o curso

O currículo é dividido nos três ciclos: básico (1ª e 2ª séries), profissionalizante (3ª e 4ª séries) e internato (5ª e 6ª séries). Os cenários utilizados nas atividades de formação médica são: Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Saúde da Família (USF) da Secretaria Municipal de Saúde de Botucatu, Centro de Saúde Escola (CSE) e hospitais de nível secundário (Hospital Estadual de Botucatu e Bauru e Hospital do Bairro de Botucatu).