Saúde investe quase R$ 500 mil no posto da Vila Jardim

A Secretaria de Saúde de Botucatu deu início neste mês às obras de reforma e ampliação da Unidade Básica de Saúde da Vila Jardim – Osmar Pires de Campos (localizada na Avenida Antonio Amando de Barros, esquina com a Rua Ulisses Rossi Grassi), região Sul do Município.

Os trabalhos são realizados pela Construart – Construções Eireli ME, empresa vencedora da licitação, e devem ser concluídos no prazo de 150 dias (cinco meses). O investimento total será de R$ 436.291,39 (R$ 184.544,63 do Governo Federal; R$ 189.952,69 do Governo Estadual; e contrapartida de R$ 61.794,07 da Prefeitura).

O prédio da UBS da Vila Jardim foi inaugurado em 1992 e desde então não havia recebido reformas na estrutura. Nos últimos anos, o excesso de trincas e infiltrações comprometia o serviço e oferecia riscos à população e equipe de profissionais, que temporariamente atende a população desta região (mais de 15 mil pessoas) na ampla Unidade de Saúde da Família dos Comerciários – Dr. Elias Chama, inaugurada em dezembro de 2013.

A antiga unidade tem 320 m² e será ampliada com mais 38 m². Ela será totalmente adaptada para receber pessoas com mobilidade reduzida e/ou com deficiência, com quatro consultórios convencionais, um consultório para atendimento ginecológico e outro de odontologia. O posto terá uma recepção mais ampla e salas para farmácia, inalação, curativo, expurgo, pré e pós-consulta, coleta de exames, medicação, vacina, para reuniões em grupo, além de banheiros, copa, lavanderia e vestiários. A cobertura do imóvel também será recuperada.

Concluída esta reforma, a equipe tradicional de Atenção Básica (clínicos gerais (2), pediatras (2), ginecologista, enfermeiros (2), e demais profissionais auxiliares) que agora atua na USF dos Comerciários voltará à UBS da Vila Jardim. Por sua vez, mais duas equipes de Estratégia de Saúde da Família serão implantadas no posto dos Comerciários.

“A unidade de saúde da Vila Jardim era a única, desde 2009, que não havia recebido qualquer tipo de investimento público uma vez que sua infraestrutura estava condenada. Assim que a reforma nela for finalizada ainda teremos o tempo para a compra de equipamentos e mobiliário, além de definir novamente os pacientes que serão abrangidos por cada posto desta região. Todo esse investimento resultará em menos tempo de espera e melhor qualidade no atendimento ao paciente”, argumenta o secretário municipal de Saúde, Claudio Lucas Miranda.

 

Atenção Básica

Além da UBS da Vila Jardim, a Prefeitura de Botucatu já investiu, desde 2011, mais de R$ 5 milhões para a construção de outras quatro unidades de saúde nos seguintes bairros: Santa Elisa, Comerciários, Distritos de Vitoriana e César Neto.

Neste período a Secretaria Municipal de Saúde também viabilizou o aluguel de imóveis para a implantação de equipes de Saúde da Família na Cohab 4, Santa Maria e Real Park. Outros bairros considerados prioritários para receber novos equipamentos de saúde nos próximos anos são Maria Luiza, Caimã (Rubião Júnior), Convívio e Jardim Itamaraty.

A Atenção Básica de Botucatu conta hoje com 11 Unidades de Saúde da Família, seis Unidades Básicas de Saúde, um Centro de Referência da Saúde do Trabalhador (Cerest), o Espaço Saúde – Profª Cecília Magaldi, e mais dois Centros de Saúde Escola em parceria com a Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB/Unesp). Nestas 21 unidades, são mais de 80 médicos em serviço à população.