Medicina promove campanha no Dia Mundial sem Tabaco

Dia 31 de maio é considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) o Dia Mundial sem Tabaco. Diversas campanhas e ações de combate ao hábito de fumar são executadas em vários países, entre eles o Brasil. Em Botucatu, a Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB), através da Liga de Pneumologia e Otorrinolaringologia- formada por alunos e docentes destas especialidades – organizaram campanha informativa destinada a todos que passaram pelo Boulevard do Hospital das Clínicas e blocos de atendimento, como funcionários e pacientes.

“Entregamos panfletos e conversamos com as pessoas que se utilizam dos serviços do hospital, como forma de conscientizar sobre os malefícios do cigarro e o que a pessoa que deseja parar de fumar deve fazer”, afirma Fábio Henrique Ribeiro, aluno de Medicina e presidente da Liga de Pneumologia e Otorrinolaringologia da FMB.

As ações foram desempenhadas nos períodos da manhã e tarde pelos integrantes da Liga e pela pneumologista e docente do Departamento de Clínica Médica, Suzana Tanni Minamoto. Segundo ela o cartaz da campanha foi dado pela Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia e os folders distribuídos foram conseguidos em parceria com um laboratório, mas apenas com um caráter informativo, uma vez que não eles não trazem qualquer logomarca na impressão.

A pneumologista destaca que há mais de cinco anos existe a campanha antitabagista na FMB, sendo realizada em duas datas, esta no dia 31 e outra em 29 de agosto, em referência ao Dia Nacional de Combate ao Fumo.

Os fumantes de Botucatu, que desejam largar o vício, podem procurar atendimento no Centro Saúde Escola e no Ambulatório Regional de Especialidades. “No Hospital das Clínicas, nós atendemos quem quer parar de fumar, mas vem de cidades onde não há serviços de apoio”, completa Suzana.