Hospital Estadual de Botucatu completa um ano de atividades

Fotos: Valéria Cuter

 

Na quinta-feira, 23 de abril,  às 16 horas,  pessoas ligadas a diferentes segmentos sociais se reuniram para comemorar o primeiro aniversário do Hospital Estadual de Botucatu  instalado na Avenida José Ítalo Bachhi Filho, s/n, no Jardim Aeroporto e é administrado pela Faculdade de Medicina (FMB), através do Hospital das Clínicas (HC), com apoio da Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar (Famesp).

Voltado a casos de média complexidade o hospital, desde sua inauguração em abril do ano passado, que contou com a presença do governador Geraldo Alckmin, presta atendimento nas áreas de clínica médica geral, cirurgia geral, obstetrícia e pediatria, incluindo cuidados aos recém-nascidos. No espaço estão alocados 76 leitos, dos quais 18 exclusivos para pediatria e oito voltados aos cuidados intensivos de média complexidade.

A unidade também mantém uma área de pronto-atendimento, centro cirúrgico com quatro salas, laboratório, ambulatório com 10 consultórios e uma unidade de coleta de leite humano, além de um centro de diagnóstico por imagem com ultrassom, raio-x, ecocardiograma e eletrocardiograma.

A infraestrutura do hospital também conta com almoxarifado, arquivo morto, vestiários, setor de informática, serviços de lavanderia e nutrição e dietética, casa de caldeiras e central de gases medicinais. Já a cozinha e lavanderia antes usadas pelo Hospital “Cantídio de Mouros Campos” passaram pelo processo de reforma em suas estruturas sendo trocados pisos, telhados, fiação elétrica e colocados sistema de ar condicionado e de exaustão.

O superintendente do HC, professor Emílio Curcelli, declarou que o novo hospital tem a importante missão de absolver os casos de média complexidade para que o HC de Botucatu atenda aos pacientes mais greves e com problemas de saúde mais complexo.  “Ganha o paciente com um serviço hospital de qualidade e o sistema de saúde que tem mais racionalidade”, disse Curcelli.

Presidente da Câmara Municipal e prefeito em exercício, em razão da viagem ao exterior do prefeito João Cury  e do vice-prefeito Antônio Luiz Caldas Júnior, o vereador André Rogério Barbosa – Curumim,  enfatizou que o primeiro aniversário do hospital é um dia histórico para a cidade. “A cidade ganhou um hospital de média complexidade que presta um serviço de qualidade 100% gratuito através do Sistema Único de Saúde (SUS). Por causa dos investimentos que foram feitos nos últimos anos Botucatu passou a ser referência regional na área de saúde”, destacou Curumim.