Homem é acusado de abusar de duas sobrinhas

Fotos: FM Integração

Na noite desta terça-feira (14), por volta das 21 horas, o Grupamento Especializado em Patrulhamento de Apoio Motorizado (GEPAM), da Guarda Civil Municipal (GCM), de São Manuel, composta pelos agentes Roque e Leandro, supervisionados pelo subcomandante Freitas, deslocou-se até o Jardim Santa Mônica, onde segundo informações da solicitante, duas crianças, de 06 e de 12 anos teriam sido abusadas pelo padrasto.

Uma das crianças (de 12 anos) confessou para a equipe que seu padrasto, Luiz da Rocha Cordeiro, de 53 anos, abusava dela e de sua irmã enquanto a mãe trabalhava. No Boletim de Ocorrência (BO) está descrito que o homem acariciava as partes íntimas das duas meninas e mostrava o órgão genital.

A garota também informou aos GCM’s, que o padrasto possuía uma arma de fogo dentro de sua residência na Rua Antonio Bulgari. O acusado negou o abuso contras as meninas e a posse da arma, autorizando a entrada dos agentes em sua residência. Na revista foram localizados 10 munições intactas de calibre 38 e vários filmes pornográficos. Ao ser indagado sobre as munições o mesmo alegou ter achado na via pública.

Quando os agentes informaram que o acusado seria levado para prestar depoimento, ele tirou um pacote de dinheiro do bolso e ofereceu R$ 1 mil em troca de sua liberdade ao agente Roque, que evidentemente, não aceitou a oferta e acabou comprometendo ainda mais o acusado incidindo-o em mais um crime.

Todos os envolvidos foram levados ao Plantão Policial onde a delegada Ana Carolina de Brito Machado, tomou ciência dos fatos e ratificou a voz de prisão. Cordeiro foi encaminhado ? Cadeia Publica de Itatinga enquadrado em crime de estupro de vulnerável, posse ilegal de munição e corrupção ativa. O autor já possui antecedentes por crime de estupro de vulnerável.