Jovem acidentado em Rubião Junior morre no HC

O Hospital das Clínicas (HC) de Botucatu confirmou nesse final de semana a morte do jovem Felipe Jhonatan Cardoso Teodoro, de 18 anos de idade, vítima de um acidente de trânsito ocorrido no final da tarde do último dia 2 de outubro no cruzamento das ruas Manoel Marques Marçal com a Antônio Madureira, Distrito de Rubião Júnior.

O acidente aconteceu quando a motocicleta CG 125 Titan placa DHJ-4633, de Botucatu, conduzida por G.L.R.P., de 14 anos, levando Felipe Teodoro como passageiro trafegava pela Rua Manoel Marques Marçal e ao chegar no cruzamento com a Rua Antônio Madureira, bateu contra um ônibus coletivo da empresa São Dimas, que vinha pela rua preferencial. Com o impacto da colisão os dois adolescentes foram arremessados contra o asfalto.

Felipe Teodoro recebeu os primeiros atendimentos no próprio local do acidente pela equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e encaminhado em estado muito grave ao Hospital das Clínicas (HC) de Rubião Júnior, onde passou os últimos dias sob cuidados médicos com traumatismo craniano encefálico. Não resistiu aos ferimentos e veio a falecer. O condutor da motocicleta também foi atendido no HC e recebeu alta, horas depois do acidente.

No local do acidente estiveram os policiais militares Cabo Cláudia e soldado Renê, sendo registrado em Boletim de Ocorrência (BO) no Plantão Permanente. O inquérito policial está correndo pela 2ª Central de Polícia Judiciária.

O motorista do ônibus, Gilson Ramos, alegou que foi tudo muito rápido e não teve tempo de desviar. “Eu trafegava pela rua preferencial e em baixa velocidade e a motocicleta passou pelo cruzamento em alta velocidade e veio diretamente contra o pára-brisa ônibus. Infelizmente, não deu para evitar”, lamentou o motorista, na ocasião dos fatos.