GAPE realiza prisão de condenado por homicídio

Durante patrulhamento preventivo pelo Jardim Santa Eliza nesta terça-feira, os agentes do GAPE (Grupo de Ações Preventivas), da Guarda Civil Municipal (GCM) depararam com Roberto Carlos Passos, 41 anos e fizeram a abordagem ao fazer a averiguação de seus antecedentes criminais, via Informações de Segurança (Infoseg) constatou-se que o mesmo tinha antecedentes criminais por porte ilegal de arma e homicídio, sendo que por este último ele estava procurado pela justiça da comarca da cidade de Cerqueira Cesar/SP.

Passos foi conduzido ao Plantão Policial, onde foi elaborado Boletim de Ocorrência (BO) e ratificada a voz de prisão pela autoridade policial civil sendo este o quinto caso de procurados pela justiça capturados pela GCM em apenas dez dias com o auxílio do sistema Infoseg.

{n}Central{/n}

Além desse caso, também foi prestado apoio ? Central de Ambulância que encaminhou um dependente químico para atendimento médico no Pronto Socorro do Hospital das Clínicas. Outra ocorrência foi registrada no Jardim Cristina, ? s 6h35, onde uma senhora relatou que seu esposo, que se encontrava bastante agitado, tem histórico de transtornos mentais. O homem foi conduzido espontaneamente até o Pronto Socorro (PS) do Hospital das Clínicas (HC), onde permaneceu sob cuidados médicos.

{n}Furto{/n}

Outra guarnição da GCM deslocou-se até a Vila dos Lavradores, por volta das 7h40 para atender um caso de furto. No local, o solicitante informou que pessoas desconhecidas teriam furtado um aparelho DVD. Segundo o mesmo, o fato ocorreu durante a noite.

{n}Conflito{/n}

Na região central, ? s 18h30 desta segunda-feira, a GCM fez a mediação de conflito entre consumidor e fornecedor. E ? s 19h25, na Vila Jardim, uma guarnição atendeu solicitação de uma mulher que informava que sua filha foi para a casa dos avós paternos e não havia retornado no horário estipulado em acordo judicial. As partes foram orientadas, sendo que a garota retornou para a casa sem apresentar resistência.