DISE faz apreensão de 1,560 kg de crack em pedágio

Fotos: Luiz Fernando

Depois de um trabalho investigativo, os policiais especializados da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE), de Botucatu, efetuaram a prisão em flagrante de Rafael de Mello Travensoli, de 27 anos de idade, no km 285 da SP-300 Rodovia Presidente Castello Branco, no pedágio de Areiópolis. A ação contou com o apoio da Polícia Militar.

Os policiais tinham a informação de que haveria um transporte de droga de Bauru para Botucatu e ela estaria no interior de um carro Fiat Uno. Com as características do automóvel, os policiais ficaram de campana no pedágio e abordaram o carro dando voz de prisão ao condutor que não esboçou nenhuma reação. Ao ser questionado sobre o entorpecente indicou o local onde a droga estava acondicionada, ou seja, na porta do banco traseiro esquerdo. Na vistoria os policiais encontraram 1,560 kg de crack (quatro pedras brutas), que daria para fazer 4.500 pedras para venda ao usuário.

“Tínhamos informações de que o indiciado traria droga para Botucatu, armamos a operação no pedágio e tivemos êxito com ajuda da Polícia Militar. Ele já fez várias viagens transportando drogas, mas desta vez conseguimos o flagrante”, disse o delegado Paulo Buchignani. “Agora o trabalho continua para descobrirmos de quem ele pegou essa droga e para quem ela seria entregue”, emendou o delegado lembrando que foi este o 7º flagrante realizado no mês de março.

Na delegacia Travensoli frisou que não vende droga e fez a viagem usando o carro (Fiat) que emprestou de um amigo e receberia R$ 1.000,00. “Não tenho passagem policial, mas não posso negar que a droga é minha. Pedi o carro emprestado de um amigo para buscar uma peça de motocicleta em Bauru, mas o dono do carro não sabe de nada disso. Estou sozinho nessa história e vou usar o meu direito de permanecer calado para não envolver mais ninguém”, disse o indiciado, que foi recolhido ? Cadeia Pública de Itatinga.