“Mata do Carmeluche” servia de esconderijo de drogas

Um cidadão chamado Danilo Delevedove, de 23 anos de idade, foi preso em flagrante e indiciado em crime de tráfico de entorpecentes pelos policiais da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE), nesta quinta-feira (6), na região da Cohab IV.

Em trabalho de campana realizado pela equipe investigativa em carro descaracterizado, foi detectado que o acusado realizava o tráfico nas proximidades de um local conhecido como “Mato do Carmeluche”, onde segundo a polícia, ele mantinha seu esconderijo.

“Eles estava sendo vigiado há alguns dias e nesse esconderijo nossos policiais fizeram a apreensão de 45 pedras de crack, 36 “parangas” de maconha e uma porção de cocaína. A abordagem ao indiciado foi deflagrada quando tivemos a certeza de que ele estava traficando no local”, comentou o delegado Paulo Buchignani, que atuou ao lado do delegado Carlos Antônio Improta Julião Filho e dos investigadores Pelares, João, Rossi, Bassetto, Marcelo e Paula.

Danilo já é bastante conhecido nos meios policiais e estava em liberdade a apenas dois meses, tendo cumprido pena por crime de tráfico de entorpecentes na Penitenciária de Tremembé, em São Paulo. Após prestar depoimento ele foi recolhido ? Cadeia Pública de Botucatu e poderá sofrer mais uma condenação.
Para o crime de tráfico de entorpecentes a lei faculta ao condenado uma pena que varia de 05 a 15 anos de reclusão.