Defesa Civil ganha terreno para construir sua sede

Um terreno de mil metros quadrados na Rua Vitor Atti, na Vila dos Lavradores, em uma das áreas mais valorizadas do Município. Foi esse o “presente” que a Guarda Civil Municipal (GCM) e Defesa Civil do Município, ganharam para que sejam instaladas suas futuras sedes. O local fica ao lado da atual área administrativa da GCM e Defesa Civil, também na Rua Vitor Atti.

O terreno que pertencia a antiga Ferrovia Paulista Sociedade Anônima (Fepasa), foi cedido pelo aposentado Aparecido Onofre que há 27 anos é o administrador e tem a posse do local, mantendo o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). O início das negociações foi em uma agência bancária da Cidade onde coordenador da Defesa Civil, Domingos Chavari Neto e o aposentado se encontraram e conversaram sobre o imóvel.

“Ele achou interessante que o terreno fosse passado para que a Defesa Civil construísse sua sede. Procurei nosso secretário de Segurança Pública, doutor Adjair de Campos e ele não só abraçou a idéia como passou a ser parceiro para viabilizar a aquisição do terreno e fez os encaminhamentos necessários. Então, hoje posso dizer que (o terreno) é nosso”, comemorou Chavari.

Adjair de Campos adianta que o terreno passa a ser uma extensão do patrimônio do Município e poderá, no futuro, abrigar a sede da GCM, Secretaria de Segurança Pública e a Defesa Civil. O atual prédio, onde está a área administrativa da Secretaria de Segurança Pública poderia ser usado para outros fins.

“O terreno é amplo e será de muita serventia e poderemos sim, pensar em construir nele a sede da Guarda Municipal e Defesa Civil. Iremos levar essa proposta ao prefeito João Cury, pois é necessário que seja destinado um orçamento específico para este fim. O primeiro grande passo foi a conquista do terreno. Vamos agora dar o próximo (passo)”, sintetizou o secretário de Segurança Pública.

Sobre sua decisão de fazer a doação da posse do terreno ao Município, Antônio Onofre foi taxativo. “Admiro o trabalho que está sendo feito nessa área da Segurança Pública e quando o Chavari falou sobre isso, imediatamente, pensei na ideia da doação. Tenho certeza de que o terreno será muito bem aproveitado para ser usado em benefício da população”, justificou Onofre.

Fotos: Valéria Cuter