Consciência negra promove Jogos da Igualdade

A Prefeitura de Botucatu, por meio da Assessoria de Políticas de Promoção da Igualdade, realizará, no período de 31 de outubro a 20 de novembro, os primeiros Jogos da Igualdade do Município. O evento, que terá caráter competitivo e acontecerá durante o mês em que é celebrado o Dia da Consciência Negra (20 de novembro), contemplará as modalidades de Basquete de Rua, Capoeira, Hip Hop e Street Dance.

Poderão participar dos jogos crianças e adolescentes com idades entre 11 e 17 anos, que estejam regularmente matriculados em um estabelecimento de ensino, público ou privado, ou em projetos socioeducativos da Cidade. Cada equipe deverá procurar a direção de sua instituição para que esta preencha o formulário de inscrição e o encaminhe para a comissão organizadora.

Os cadastros já podem ser realizados e seguem até o dia 26 deste mês. Os formulários de inscrição de cada modalidade e o regulamento estarão disponíveis no site da Prefeitura (www.botucatu.sp.gov.br), no banner “Jogos da Igualdade”, durante todo o período de inscrições.

Os participantes serão divididos em três grupos diferentes, segundo a faixa etária. O grupo 1 será composto por aqueles que nasceram entre os anos de 1997 e 2000. Já o grupo 2 contará com pessoas nascidas em 1998 e 1999. Por fim, participarão do grupo 3 os nascidos entre 1995 e 1997. O número de integrantes por grupo é ilimitado, podendo haver equipes masculinas, femininas ou mistas, as quais competirão entre si.

As coreografias de hip hop e street dance deverão ser montadas tendo como referência o tema “Eu Sou o Futuro”, que contemplará a mensagem “Não ? s Drogas, Não ? Violência”. As datas, horários e locais da realização das competições de cada modalidade serão divulgados após as inscrições.

A comissão organizadora será formada por dois representantes da Secretaria de Governo, dois representantes da Secretaria de Educação, dois representantes da Secretaria de Esportes, e um representante de cada modalidade da Olimpíada, estes profissionais atuantes no Município. Já a comissão de arbitragem será formada por três árbitros para cada modalidade, os quais devem ter atuação reconhecida em competições, sendo comprovada por meio de Currículo.

Os grupos colocados em primeiro, segundo e terceiros lugares serão premiados com medalhas. Já os estabelecimentos de ensino receberão troféus para os três primeiros lugares, respectivos ao número de vitórias obtidas pelas equipes em cada modalidade.