MMA vai agitar o final de semana em Botucatu

No próximo dia 13 de dezembro (sexta-feira), a partir das 19 horas, Botucatu irá receber um evento para as pessoas que apreciam lutas de MMA (do inglês: Mixed Martial Arts) ou AMM (Artes Marciais Mistas), o esporte que mais ganha adeptos no mundo, com o Shockwave Combate. Serão dez lutas no octógono montado na quadra da Associação Atlética Botucatuense (AAB).

A realização é das empresas Shockwave Combate, de Leandro Veloso, de Bauru e Clown´s Produções e Eventos de Botucatu de propriedade de José Juber Justo Júnior e José Eduardo Fidelis Dias (foto). Em entrevista ao Acontece, Juber Júnior, que pretende transformar Botucatu num pólo regional de MMA, faz uma explanação geral sobre o evento e quais serão as atrações previstas.

{n}Acontece{/n} – O que significa MMA e como surgiu essa modalidade?

{n}Juber Júnior{/n} – MMA é a sigla de “Mixed Martial Arts”, em português Artes Marciais Mistas. Refere-se a uma modalidade de luta onde são permitidos golpes e técnicas de luta no chão (judô, jiu jitsu e wrestlng) e em pé (boxe, muay thai e karatê). Essa modalidade foi criada no Brasil na década de 30 pela família Gracie e conhecida como vale-tudo. Na época, a intenção dos Gracie era tentar demonstrar a superioridade técnica da luta que eles haviam difundido: o jiu jitsu. Aos poucos, o vale-tudo foi lapidado e chegou até o das artes marciais mistas. Mas o MMA ganhou o mundo pra valer em 1993, quando o filho mais velho de Hélio Gracie, o Rórion, criou um evento de vale tudo nos Estados Unidos, conhecido como UFC (Ultimate Fighting Championship) maior organização de artes marciais mistas do mundo.

{n}Acontece{/n} – E qual é a diferença do UFC que foi criando lá em 1993 para os dias atuais?

{n}Juber Júnior{/n} – De lá prá cá, existiram grandes mudanças. No vale tudo, o campeão seria aquele que vencesse um torneio eliminatório de oito homens sem limite de tempo, em qualquer técnica de arte marcial e não existiam luvas ou mesmo regras e regulamentos que garantissem a integridade física dos lutadores. Uma modalidade tentava subjugar a outra e foi assim que os Gracie venceram diversos confrontos e popularizaram o jiu jitsu no mundo todo, pois eles finalizavam adversários bem mais fortes e pesados sem precisar desferir um soco sequer. No UFC atual existe uma série de normas, regulamentos, tempo determinado de combates e a integridade física dos atletas está em primeiro lugar.

{n}Acontece{/n} – E como surgiu o Shockwave Combate que acontece em Botucatu?

{n}Juber Júnior{/n} – Bom, o shockwave é um evento que teve sua origem na cidade de Bauru e sua primeira edição aconteceu em 2011, quando o UFC também passou a realizar suas edições aqui no Brasil. O proprietário da marca é nosso amigo Leandro Veloso que teve uma bela visão empreendedorista, aproveitou o momento mágico que o esporte vinha passando naquela época e criou o Shockwave Combate e até sua mais recente edição só trouxe atletas de renome nacional. Pra você ter uma idéia, na 2ª edição ele fez a luta entre Edson Conterrâneo (maior campeão brasileiro em atividade) e Edson Draggo, que já lutou por duas vezes, no então maior evento do mundo, o Pride Japão, além de ser o detentor do recorde “nocaute mais rápido do mundo pelo guinnes book”.

{n}Acontece{/n} – E com o foi feita a parceria entre a empresa detentora dos diretores do shockwave com o Juber Júnior e José Eduardo para trazer esse evento para Botucatu?

{n}Juber Júnior{/n} – Sobre nossa parceria, nós temos uma empresa de eventos, a Clown´s Produções e no ano passado resolvemos nos aventurar no mundo do MMA. Somos dois apaixonados por lutas e resolvemos mudar um pouco o foco de nossas produções. Em 2012 nos juntamos a outra marca, que era Destruction Figth Championship e fizemos na Associação Atlética Botucatuense (AAB) o maior evento de MMA que a região de Botucatu já presenciou. Aí, nosso amigo Leandro ficou sabendo da nossa empresa, do sucesso que foi o evento do ano passado e iniciamos a conversa para firmamos uma parceria entre a Shockwave Combate e a Clown´s Produções e Eventos. Com essa união, Botucatu corre o sério risco de se tornar palco do maior espetáculo de lutas de MMA dentro do Estado de São Paulo e um pólo regional de MMA.

{n}Acontece{/n} – Quais serão as atrações previstas?

{n}Juber Júnior{/n} – A Shockwave Combate Edição de Botucatu vai acontecer no próximo dia 13 de dezembro, sexta-feira, na Associação Atlética Botucatuense (AAB) e terá portões abertos a partir das 19 horas. O card vai ter início por volta da 20 horas, lembrando que o pessoal que trabalha no comércio também pode comparecer, pois até as 22 horas haverá lutas preliminares que antecedem o card principal.

{n}Acontece{/n} – E quanto ? s atrações?

{n}Juber Júnior{/n} – O evento vai ser uma atração ? parte. Teremos dez lutas de alta performance, um octógono oficial (mesmo dos principais eventos nacionais), uma mega estrutura de som e iluminação, duas vezes maior do que fizemos no ano passado e um card (alinhamento de combates que irão ser realizado num determinado local) de lutadores que já passaram por todos os mais conceituados eventos do Brasil, e inclusive, no Japão. Contaremos uma “ring girl” que já foi capa da Revista Sexy, a Denise Bueno (musa do Globo Esporte). E outra atração será a presença de Mário Yamasaki, um dos árbitros do UFC mais conceituados do mundo. Ele vai estar em um dos camarotes além de outras celebridades. Outras surpresas virão por aí.

{n}Acontece{/n} – Qual será a luta principal? E mais: teremos lutadores de Botucatu no evento?

{n}Juber Júnior{/n} – A luta principal será entre Charles Michael que enfrenta Edvaldo Gameth, dois lutadores que estão no topo do UFC nacional. Das 12 lutas programadas, seis delas terão a participação de lutadores botucatuenses representados pela Academia Miquinho, que enfrentarão competidores de outras cidades brasileiras.

{n}Acontece{/n} – Existe faixa etária para assistir as lutas?

{n}Juber Júnior{/n} – Como não será comercializado nenhum tipo de bebida alcoólica, iremos liberar a entrada de menores de idade, desde que acompanhados dos pais e/ou responsáveis.

{n}Acontece{/n} – Para finalizar, Juber, queria que você deixasse sua impressão sobre as pessoas que acham que esse esporte é violento.

{n}Juber Júnior{/n} – Esse evento de artes marciais e esportivo, ao contrário do que muita gente pensa, não é de briga e violento, pois existem muitas regras e nossa maior preocupação é preservar a integridade física do atleta. Quem quiser obter maiores informações sobre esse evento em Botucatu pode acessar o nosso site: shockwave.com.br ou o facebook: facebook.com/shockwavecombate onde estão todas as informações sobre o evento, lutadores e os pontos de venda de ingressos.