Pianista Sylvia Maltese lança CD em Botucatu

O Teatro Municipal “Camillo Fernandez Dinucci”, em Botucatu, recebe no próximo dia 5 de junho, a pianista Sylvia Maltese que estará lançando o seu mais recente trabalho em CD intitulado: “Encontros com a Música de São Paulo”. O projeto é patrocinado pelo Programa de Ação Cultural (ProAC), da Secretaria de Estado da Cultura e do Governo de São Paulo. O recital tem entrada franca.

O CD apresenta repertório com obras de compositores brasileiros, nascidos na capital São Paulo e em várias cidades do interior do Estado de São Paulo, a partir de Carlos Gomes (1836 -1896), até os dias de hoje, mostrando quase 200 anos de produção de compositores paulistas de várias épocas e estilos.

Entre as obras estarão; Carlos Gomes (A Cayumba – dança de negro, Mormorio – Murmúrio – Improviso); Zequinha de Abreu (Não me Toques – chorinho, Amando sobre o Mar – Valsa sentimental); Alexandre Levy (Impromptu-Caprice op.1 – Improviso-Capricho); Luiz Levy (Tango Burlesco op.28); Nilson Lombardi (Reminiscências II – Homenagem ? Schumann); Osvaldo Lacerda (Ponteio n°8), entre outros.

Muitas cidades do estado de São Paulo estão representadas nesse CD: Carlos Gomes nasceu em Campinas, Zequinha de Abreu em Santa Rita do Passa Quatro, Camargo Guarnieri em Tietê, Adelaide Pereira da Silva em Rio Claro, Almeida Prado em Santos, Clorinda Rosato em São Simão, Nilson Lombardi em Sorocaba e Alexandre Levy, Angelo Camin, Luiz Levy, Kilza Setti, Osvaldo Lacerda, Sandra Abrão, Sérgio de Vasconcellos-Corrêa e Silvia de Lucca, na cidade de São Paulo.

“A música de concerto do estado de São Paulo, desde o século XIX, por todo o século XX e neste início de século XXI, tem grande representatividade para a Música Brasileira e seus compositores obtiveram reconhecimento nacional e internacional”, comentou a pianista que é ganhadora do prêmio da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA).

Na impossibilidade de se colocar em um único recital o repertório completo que consta no CD Encontros com a Música de São Paulo (são 22 músicas no total ou quase 75 minutos), em cada um dos recitais de lançamento do CD serão apresentadas algumas das obras dos célebres compositores nascidos ainda no séc. XIX, como Carlos Gomes , Zequinha de Abreu, Alexandre Levy e Luiz Levy; do notável compositor e mestre de toda uma geração de compositores brasileiros, Camargo Guarnieri, além de uma parte das obras de grandes compositores que tiveram sua maior atuação desde a segunda metade do século XX até a atualidade: Almeida Prado, Ângelo Camin, Clorinda Rosato, Adelaide Pereira Da Silva, Kilza Setti, Nilson Lombardi, Osvaldo Lacerda, Sandra Abrão, Sérgio de Vasconcellos-Corrêa e Silvia de Lucca.

{n}Sylvia Maltese{/n}

O desempenho da paulistana Sylvia Maltese como pianista, professora e pesquisadora lhe valem o reconhecimento do público e da crítica especializada. Vários prêmios lhe foram outorgados durante sua carreira, entre os quais o APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) de 2011, por sua atuação como Recitalista; o CIESP de 2011, Excelência Mulher 2011, pelo conjunto de sua obra e também em 2011, a Comenda Carlos Gomes. Por sua participação no Duo Pianístico de São Paulo, juntamente com a pianista Marlys Lopes Gatto, recebeu o prêmio APCA de 1983, como Melhor Conjunto Instrumental.

Filha da pianista Ida Maltese, com ela iniciou seus estudos musicais, prosseguindo-os com Dinorá de Carvalho, José Kliass, Cláudio de Brito e Anna Stella Schic. Desenvolveu sua carreira de pianista alternando apresentações solo com duos de piano, com os pianistas: Marlys Lopes Gatto, Clélia Ognibene, Paola Tarditi, Joel Bello Soares e com sua mãe, Ida Maltese.

Seus mais recentes CDs solo são Música Brasileira para Piano – Savino De Benedictis e sua Escola de Composição(2002); Música Brasileira do Império – Visconde de Taunay – composições para piano(2008); Mulheres Compositoras França-Brasil(2009) e Emilia De Benedictis, obra completa para piano(2010) e Encontros com a Música de São Paulo(2012).

Atua em concertos, congressos e festivais em importantes centros de cultura musical do Brasil e do exterior. Ministra cursos de técnica e interpretação pianística e, como membro de júri, participa de concursos de piano, nacionais e internacionais. Dedicaram-lhe obras os compositores brasileiros Adelaide Pereira da Silva, Almeida Prado, Amaral Vieira, Dinorá de Carvalho, Kilza Setti, Maria Helena Rosas Fernandes, Nilcéia C. da Silva Baroncelli, Nilson Lombardi, Otávio Azevedo, Sérgio O. de Vasconcellos-Corrêa e Silvânia Barros. Desde 2006, é Membro Titular da Academia Nacional de Música.