Viaduto entre Jardim Cristina e Jardim Paraíso será licitado

Fotos: Valéria Cuter

O deputado federal Milton Casquel Monti (PR) garantiu nesta sexta-feira (5) que o projeto da construção do viaduto que irá fazer a ligação do Jardim Cristina com o Jardim Paraíso, ou seja, o setor Norte com o Leste está em fase final de avaliação e deverá ter a licitação aberta nos próximos dias.

A assinatura do contrato de execução do projeto, foi realizada em abril de 2011 (fotos), numa reunião que contou com a presença de Ricardo Madalena, diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), instituição ligada ao Ministério dos Transportes; Alexandre Silveira Barbosa, representante da Vega Engenharia; deputado Milton Monti; prefeito João Cury; e o vereador do PR, Reinaldo Mendonça Moreira, o Reinaldinho.

Com o viaduto, os bairros como Vila Maria, Vila Ema, Jardim Cristina entre outros bairros adjacentes terão acesso a região do Jardim Paraíso por esse viaduto, que irá transpor a linha férrea (antiga Ferroban) e o ribeirão Lavapés, que cortam aquela região da cidade.

O deputado salientou que vem trabalhando para viabilizar esse projeto desde que o prefeito João Cury tomou posse como prefeito, em 2009. “Ele (o prefeito) me convenceu de que esta era uma obra de fundamental importância para trazer benefícios para a cidade. Procurei, então, o ministro dos Transportes Alfredo Nascimento e detalhei a necessidade de conseguir verba federal para execução do projeto. Ele entendeu, aprovou e liberou. Foi esse o primeiro passo”, lembra o deputado.

Monti ressaltou que já foram liberados junto ao Ministério dos Transportes e liberação dos primeiros R$ 5 milhões para a obra. “Assim que o projeto for aprovado, vamos fazer a licitação para que a construção seja iniciada”, disse o deputado. “A construção desse viaduto foi um compromisso que assumi com a população de Botucatu e vai acontecer, tenham certeza disso”, sacramentou.

Na ocasião da assinatura do contrato, o prefeito João Cury Neto enfatizou que essa obra é uma reivindicação antiga e de extrema necessidade para unir dois setores importantes da Cidade e que irá contribuir pelo desenvolvimento daquela região.

“Onde o viaduto será construído e qual será sua extensão serão os engenheiros que vão nos dizer, depois de fazer um estudo detalhado daquela região da cidade e nos entregar o projeto. A obra deverá custar algo em torno de R$ 20 milhões”, vislumbrou João Cury. “Esta era uma reivindicação antiga e que agora com a ajuda do deputado Milton Monti, estamos viabilizando”, acrescentou o prefeito.