Radar irá monitorar mais duas avenidas; veículo já foi flagrado a 86km/h na Vital Brazil  

Rotatória Pedretti Neto - foto Carlos Pessoa (1)A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Botucatu (Semutran) informa que a partir de segunda-feira (15), outras duas avenidas da Cidade entrarão no cronograma do serviço de fiscalização eletrônica móvel de veículos: Leonardo Villas Boas e Professor Raphael Laurindo. Ambas já tiveram o limite de velocidade reduzido de 60km/h para 50km/h e são importantes vias de ligação da região norte.

Outras vias que já fazem parte da programação do radar móvel são as seguintes: Avenida Roberto Sidney Bueno, Avenida Vital Brazil, Rua Capitão José Paes de Almeida e Avenida Camilo Mazoni. Em todas elas, a velocidade máxima permitida também é de 50 km/h. Velocidade esta que já foi adotada em mais de 100 países, conforme recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

“Estudos provam que a redução de 60km/h para 50km/h aumenta muito a sobrevida das vítimas de acidente de trânsito. Por isso, no nosso dia a dia, é necessário cada vez mais incorporar atitudes defensivas no trânsito. Infelizmente só costumamos mudar essa atitude quando uma fatalidade acontece conosco ou próximo a nós. Para se ter ideia, nesta semana, o radar flagrou um veículo a 86km/h na Vital Brazil. Nada justifica estar a esta velocidade”, argumenta o secretário de Mobilidade Urbana, Rodrigo Fumis.

Vale lembrar que, com base na Resolução Nº 396, de 13 de dezembro de 2011, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), não é obrigado a instalação de placas de aviso correspondente a radares móveis e fixos em vias urbanas e rodovias. Basta apenas que a rua ou avenida esteja sinalizada com a velocidade máxima permitida.

Serviço:

Secretaria de Mobilidade Urbana

Rua Amando de Barros, 2741 – Lavapés

Tel.: 3882-9888 / 156 (gratuito)

Site: http://semutran.botucatu.sp.gov.br/

Facebook: www.facebook.com/SemutranBotucatu