Parceria prevê duplicação da Gastão Dal Farra

A Rodovia Gastão Dal Farra (SPA 241/300) é uma pista anexa à Rodovia Marechal Rondon (SP 300), bastante utilizada por quem mora no Jardim Aeroporto, Parque Residencial 24 de Maio, Santa Maria, Maria Luiza, entre outros bairros da região Sul de Botucatu. Pelas suas proximidades também estão a Fatec, Hospital Estadual e Parque Tecnológico.

Diante do crescimento para este lado da Cidade, a Prefeitura de Botucatu buscou parceria junto ao DER (Departamento de Estradas de Rodagem) para viabilizar a execução de obras que melhorem o trânsito na Gastão, entre elas a sua duplicação. Mas as primeiras mudanças já podem ser observadas. Dois novos dispositivos foram construídos para disciplinar melhor o trânsito de veículos.

Um deles fica no entroncamento com a Avenida Itália [próximo à Secretaria Municipal de Obras], uma das entradas da Cidade. Outro dispositivo foi construído na própria Gastão, com novas alças de entrada e saída para a Rondon. Com estas novas obras, o antigo trevo em frente ao DER será desativado.

“Esses novos dispositivos viários reduzem muito os riscos de acidentes, preocupação antiga dos motoristas que passam por este eixo da Cidade que cresceu demais nos últimos cinco anos, mas ainda conta com a mesma rodovia de 50 anos atrás”, comenta o prefeito de Botucatu, João Cury Neto.

 

Ciclovia

A previsão da Secretaria Municipal de Obras é que ainda neste mês de julho tenha início a duplicação da Gastão Dal Farra. Serão cerca de 1,2 quilômetro (entre o km 9 + 740m e o km 10 + 930m), trecho que se estende das proximidades da Garagem Municipal, na saída da Avenida Itália, até as imediações do posto de combustíveis na confluência com a estrada José Ítalo Bacchi.

Além da duplicação, este mesmo trecho da rodovia ganhará uma ciclovia e mais duas rotatórias. Uma para disciplinar as entradas sentido Jardim Aeroporto e Santa Maria e outra entre a Avenida Zumbi dos Palmares e o loteamento Central Parque, que servirá de ligação da Gastão Dal Farra com a Rodovia João Hipólito Martins (Castelinho / SP 209).

O convênio prevê a liberação pelo DER de recursos da ordem de R$ 1.060.000,00 que serão investidos na compra de massa asfáltica. A Prefeitura ficará responsável pelo fornecimento do maquinário e mão de obra necessários à execução dos serviços.

“Estamos projetando que cada uma das novas pistas da Gastão fique com 10 a 12 metros de largura, divididas por um canteiro central e uma ciclovia com mais 1,5 metro de largura. Queremos concluir tudo até o fim do ano, antes do período de chuvas”, informa o secretário de Obras, André Peres.

A Prefeitura também já mantém negociações com a concessionária Rodovias do Tietê, que administra o restante da rodovia Gastão Dal Farra, para firmar parceria semelhante com a finalidade de duplicar o trecho que se estende do posto de combustíveis até as proximidades do antigo centro de treinamento da CESP, onde hoje funciona a Emef. Elda Moscogliato.