Câmara aprova ‘’Doulas’’, revitalização da Cecap e gestão dos resíduos da construção civil

Mais uma noite sem muitas divergências entre os vereadores. Assim foi a segunda Sessão do ano na Câmara Municipal nesta segunda, 15.

Em pauta eram seis projetos na sessão ordinária e um na extraordinária. Após a supressão do grande expediente, onde os parlamentares fazem uso da tribuna por 15 minutos para explanarem suas matérias, teve início as votações. Na primeira apreciação da noite, o PL Nº. 87/2015 de iniciativa do Prefeito Municipal, que institui o Programa de Incentivo à Revitalização da "Cecap". Após pequena troca de farpas entre Rose Ielo (PT) com os vereadores Fernando Carmoni e Izaias Colino (ambos do PSDB), a matéria foi aprovada por unanimidade.

O segundo projeto era o mais esperado para a maioria que estava presente na Casa de Leis. O PL Nº. 92/2015 de iniciativa do Vereador Lelo Pagani, que dispõe sobre a presença de "Doulas" durante o parto nas maternidades em Botucatu.

Nas dependências da Câmara estavam as profissionais e mães que carregavam seus filhos. O projeto foi aprovado por unanimidade, assim como as emendas 01,02,03, 05 e 06. A emenda 04 foi retirada pelo vereador Izaias Colino (PSDB). ‘’Doulas’’ são acompanhantes de parto profissionais, responsáveis pelo conforto físico e emocional da parturiente durante o pré-parto, nascimento e pós-parto.

A terceira discussão da noite, o  PL Nº. 121/2015, de iniciativa do Vereador Izaias Colino, institui no Município de Botucatu, a "Semana do Hip-Hop”. Foi aprovado por unanimidade.

Trigo contra

Já o PL Nº. 02/2016 de iniciativa dos Membros da Mesa Diretora, que altera dispositivo da Lei Complementar nº 913/11 (altera o padrão de vencimentos do cargo de Procurador Legislativo), foi aprovado por 9 votos favoráveis e um contra do vereador Trigo, que fez uso da palavra para protestar e exigiu voto nominal.

Passarinhos aprovados

Já os projetos seguintes eram denominações de vias públicas. O PL Nº. 02/2016 tratava da "Rua dos Bem-te-vis", a Rua "01" localizada no Condomínio Nova Califórnia II – T, bem como todo e qualquer prolongamento. Já o PL Nº. 03/2016 pedia denominação de "Rua dos Sabiás", a Rua "02" localizada no Condomínio Nova Califórnia II – T, bem como todo e qualquer prolongamento.

Ambos foram aprovados. O autor dos projetos, Lelo Pagani (Rede), fez uso da palavra para explicar que a natureza também merecia ser contemplada em nome de via pública.

Entulho sem discussão

Na Sessão extraordinária estava em discussão o Projeto de Lei Complementar Nº. 49/2015, de iniciativa do Prefeito Municipal João Cury, que estabelece diretrizes, critérios, procedimentos e responsabilidades para a gestão dos resíduos da construção civil, resíduos volumosos e dá outras providências. O que chamou atenção nesta matéria, foi que nenhum vereador fez questão de discutir o mesmo.

Nos bastidores existia a quase certeza de que a vereadora Rose Ielo pedisse vista do projeto. O fato não se concretizou, e a matéria teve aprovação unanime.