Poupatempo Saúde realizou mais de 2,5 mil atendimentos em um mês

 

O mais novo projeto realizado pela Prefeitura de Botucatu buscando agilizar o atendimento de urgências na Saúde já tem surtido efeito. O conceito “Poupatempo Saúde”, criado a partir da abertura de dez prontos atendimentos no período noturno em toda a Cidade, realizou 2.098 consultas em seu primeiro mês de funcionamento.

Somados os atendimentos noturnos no Pronto Socorro Odontológico na Cohab 1, as vacinas realizadas no Centro de Saúde Escola na Vila dos Lavradores, e os atendimentos na Farmácia Central, montada na Policlínica CS1, na Boa Vista, o número sobe para 2.658.

O investimento desse novo conceito na Saúde botucatuense engloba também a contratação de equipes médicas e de enfermagem, que já atendem nas unidades de saúde.

“Estamos muito satisfeitos com o número de atendimentos realizados neste primeiro mês, e esperamos que a população conte ainda mais com essas alternativas. Também tivemos os primeiros indícios de agilidade no atendimento no PS Adulto, o que ocorre com a população procurando os dez prontos atendimentos setorizados para a solução de casos de menor complexidade”, afirma André Spadaro, Secretário Municipal de Saúde.

Além das unidades da Cohab I, Cohab IV e Cecap, que já funcionavam em horário estendido, foram abertas as unidades do Jardim Aeroporto, Centro de Saúde Escola (Vila dos Lavradores), Jardim Iolanda/Monte Mor, Jardim Cristina e Rubião Júnior das 18 às 22 horas. A Unidade de Vitoriana também está aberta das 18h30 às 21h30.

O Centro de Saúde I (Centro) funciona agora também entre 18 e 23 horas, e, além do atendimento a pacientes, disponibiliza uma farmácia de retaguarda para que os atendidos pelos Prontos Atendimentos Noturnos e Prontos Socorros Adulto e Infantil retirem os medicamentos receitados. Não são dispensados medicamentos de uso contínuo durante o atendimento noturno.

Outro serviço que também passou a ser oferecido em período noturno é a sala de vacinação, iniciativa inédita no Município, que funciona junto ao Centro de Saúde Escola na Vila dos Lavradores entre 18 e 22 horas, para atender toda a população.

Para a abertura noturna dos postos de Saúde, a Prefeitura contratou novos médicos, por meio de aditamento de contrato com a OSS Pirangi e a FMB/FAMESP. São sete novas equipes que somam 33 novos postos de trabalho gerados, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e farmacêutico.