Posso ingerir bebida alcoólica antes da vacinação em Botucatu? confira

Saúde
Posso ingerir bebida alcoólica antes da vacinação em Botucatu? confira 13 maio 2021

Uma das dúvidas mais recorrentes nesses dias que antecedem a vacinação em massa na cidade de Botucatu é: posso ingerir bebida alcoólica antes de ser imunizado?

Ainda não há um consenso entre cientistas sobre a interferência de bebidas alcoólicas na eficácia das vacinas contra a Covid-19, sendo que uma parcela diz que a bebida não interfere e outra parte defende que pode haver alteração.

Entretanto, os especialistas alertam que o uso abusivo do álcool pode reduzir a imunidade e comprometer a eficiência da vacina. Ou seja, vale o bom senso nessa questão.

O Secretário de Saúde André Spadaro comentou o assunto em entrevista à Rádio Criativa nesta quinta-feira, dia 13. Para ele, pode-se ingerir bebida alcoólica, mas com moderação.

Ele indicou, em sua opinião, que homens consumam antes até duas doses e mulheres apenas uma dose. Os parâmetros são os seguintes:

-Cerveja – uma dose se refere a uma garrafa de long neck com 355 ml.

-Vinho – uma dose é significa uma taça de 150 ml

-Destilados – uma dose significa um copo com 45 ml.

“O ideal naturalmente é que se evite bebida alcoólica, principalmente em grande quantidade, pois a bebida em excesso pode interferir no processo de imunidade e eventualmente a pessoa não atingir a eficácia da vacina que seria desejado ou ficar abaixo do desejável. Mas se for inevitável, que se respeite essas quantidades com extrema moderação”, disse Spadaro.

A proposta de realização dessa pesquisa envolve o laboratório AstraZeneca, Universidade de Oxford, Fiocruz, Fundação Gates, Unesp/HCFMB, Prefeitura de Botucatu e Embaixada do Reino Unido. O evento da Prefeitura de Botucatu e Justiça Eleitoral, contará com apoio da OAB Botucatu e do Ministério Público.

A vacinação será exclusiva para moradores de Botucatu, com idade entre 18 e 60 anos (menores de 18 anos não possuem vacina aprovada para essa faixa etária e maiores de 60 anos continuarão sendo vacinados nas unidades de saúde seguindo o Plano Nacional de Imunização).

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento