Novembro Azul: Prefeitura fará ações de orientação sobre o Câncer de Próstata

Se o mês de outubro é conhecido pela campanha “Outubro Rosa”, em alusão ao combate ao Câncer de Mama, novembro é conhecido pelo “Novembro Azul”, que conscientiza sobre o Câncer de Próstata. A campanha foi criada em 2003 na Austrália e desde então se espalhou para o mundo com o objetivo de chamar a atenção dos homens para a prevenção e o diagnóstico precoce de doenças que atingem a população masculina.

Em Botucatu, a Prefeitura realizará diversas ações alusivas à campanha Novembro Azul nas unidades e serviços de saúde. As ações gratuitas serão desenvolvidas durante todo o mês de novembro e para participar basta os homens procurarem a UBS mais próxima de suas residências.

Serão realizadas ações como consultas para levantar sintomas; exames físico e exames laboratoriais, como ultrassonografias; orientações quanto à saúde sexual e reprodutiva; apoio à paternidade (pré-natal do homem); prevenção de violências e acidentes; atendimento à saúde geral do homem; hipertensão arterial, diabetes, prevenção às DSTs, alimentação saudável, tabagismo e alcoolismo e outras.

“O câncer de próstata é o tumor que afeta a próstata, glândula localizada abaixo da bexiga e que envolve a uretra, canal que liga a bexiga ao orifício externo do pênis. Este é o câncer mais frequente entre os homens, depois do câncer de pele. Embora seja uma doença comum, por medo, vergonha, preconceito ou por desconhecimento muitos homens preferem não conversar sobre esse assunto. As ações da Saúde buscam justamente mudar isso”, afirma André Spadaro, Secretário Municipal de Saúde.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, 68.220 novos casos da doença foram registrados em 2018.

Fatores de risco

– Idade: o risco aumenta com o avançar da idade. No Brasil, a cada dez homens diagnosticados com câncer de próstata, nove têm mais de 55 anos;

– Histórico de câncer na família: homens cujo pai, avô ou irmão tiveram câncer de próstata antes dos 60 anos, fazem parte do grupo de risco;

– Sobrepeso e obesidade: estudos recentes mostram maior risco de câncer de próstata em homens com peso corporal mais elevado;

– Homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer;

Sintomas:

Na fase inicial, o câncer de próstata pode não apresentar sintomas e, quando apresenta, os mais comuns são:

– dificuldade de urinar;

– demora em começar e terminar de urinar;

– sangue na urina;

– diminuição do jato de urina;

– necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite.

Em caso de suspeita de câncer de próstata, o homem deve procurar uma Unidade Básica de Saúde para avaliação e exames médicos.