No HCFMB, rir é um dos melhores remédios

Hospital conta com projetos que levam alegria e esperança a pacientes

O Dia Internacional do Riso, comemorado nesta quarta-feira, 18 de janeiro, nos faz pensar em um ato rotineiro, mas que nem sempre valorizamos: a importância de rir. Além de nos aproximar mais, o riso é sinônimo de alegria, bom humor e principalmente saúde.

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) investe há anos nessa terapia. Além de retardar o envelhecimento, já que, quando rimos, nosso corpo chega a movimentar cerca de 80 músculos, o riso não exercita somente o rosto, mas órgãos como garganta, tórax, pernas, pés e o mais importante: o cérebro.

Uma boa risada espanta os medos. Pensando nisso, o projeto de extensão Médicos da Alegria, da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB), atua no HCFMB desde 2000, levando alegria e retribuindo sorrisos aos pacientes do Hospital. Por meio de visitas às enfermarias, os Médicos da Alegria realizam brincadeiras e exibem pequenas montagens teatrais, apresentações de música e arte com balões aos pacientes internados. Por maior ou menor que seja o problema, passar por uma internação, ou até mesmo acompanhar um ente querido que precisa passar por um período no hospital implica em grandes mudanças na vida de qualquer pessoa.

Pelos corredores, alunos se transformam em palhaços, amigos, e oferecem um pouco de esperança a quem, muitas vezes, está há dias esperando por boas notícias. Quando eles chegam na enfermaria, o alívio toma conta. Não há mais tristeza ou rosto fechado. É hora de sorrir, de fazer o bem, demonstrar carinho, de pensar em como a música faz sentido naquele momento.

Ao todo, 120 alunos dos cursos de graduação da Unesp no campus de Botucatu participam do projeto. Há também médicos e funcionários da própria Universidade. Para isso, participam de um curso de ingresso, onde recebem noções lúdicas e de relacionamento com os pacientes. Às segundas-feiras, a visita ocorre no setor de quimioterapia do HCFMB, e, toda quarta-feira, os “Médicos da Alegria” estão presentes na enfermaria de Pediatria.

Outro projeto muito atuante no HCFMB, a Clínica do Riso acredita que rir pode, sim, curar. A ideia é distribuir sorrisos, abraços, piadas, música, palhaçadas e injeções de humor aos pacientes, que acabam encontrando motivos para sorrir dentro de uma enfermaria.

Leandro Guilherme, um dos coordenadores da ação e conhecido como “Dr. Feijão” pelos pacientes, afirma que a Clínica do Riso foi criada em 2015, e atua no HCFMB dois sábados por mês, alternando as enfermarias. “Nosso trabalho é feito sem fins lucrativos. Nosso pagamento é o sorriso. O que nos mantém é poder levar um pouco de atenção, carinho e alegria a quem precisa”, diz.

Ao todo, cerca de 45 pessoas participam voluntariamente da Clínica do Riso. O grupo realiza reuniões e oficinas, além de buscar conhecimento com outros grupos voluntários. A iniciativa mantém alguns projetos em busca de patrocinadores, que podem ser divulgados a quem tiver interesse em ajudar.

Ao ser questionado sobre uma história marcante que tenha visto nesses anos, Leandro se emociona. “Tem uma criança que faz hemodiálise, que chora se um dos nossos voluntários, o “Dr. Pardal”, não toca violino para ele. O violino o encoraja a continuar o tratamento. Ele é muito grato por poder sorrir naquela hora”, diz.

Adriana Godoy, diretora do departamento de Recursos Humanos do HCFMB é uma das voluntárias da Clínica do Riso. “Ser voluntário é sentir a todo momento a presença de Deus. Procuro seguir os ensinamentos que sempre tive em casa e na igreja: fazer pelo próximo o que gostaria que fizessem por mim”, revela.

Segundo Adriana, o que a motiva é ver pacientes em uma cama cantarem e dançarem. “É um momento mágico quando percebo que conseguimos fazer isso acontecer. É gratificante”, afirma.

Receber um sorriso é encantador. Não é uma recompensa material, é uma maneira espontânea de dizer “obrigada”. No ambiente hospitalar, não há nada mais gratificante. O HCFMB apoia totalmente essas ações realizadas apenas em troca de sorrisos. De risos. E de amor.

Seja voluntário

Clínica do Riso – https://www.facebook.com/clinicadoriso/

Médicos da Alegria – https://www.facebook.com/medicos.daalegria/

Vivian Abilio – Assessoria de Imprensa do HCFMB via 4toques Comunicação