Não se vacinou em Botucatu neste domingo? Veja como proceder

No último domingo, 08, 61.741 botucatuenses receberam a 2ª dose da vacina Oxford/Astrazeneca/Fiocruz, ação que faz parte do projeto de efetividade do estudo do imunizante.

Ao todo, 4.989 que receberam a 1ª dose em 16 de maio não compareceram a imunização deste domingo, e devem, impreterivelmente, comparecer a Unidade de Saúde mais próxima de casa a partir desta terça-feira, 10, para receber o imunizante.

Outra opção é no próximo sábado, 14, se dirigir aos 2 ginásios que funcionaram como ponto de vacinação neste domingo: ginásios Paralímpico e Complexo Esportivo Heróis do Araguaia.

Os cidadãos devem procurar os locais portando CPF, documento de identificação com foto (RG, CNH ou passaporte), e a carteirinha indicando a aplicação da 1ª dose.

A imunização faz parte do projeto do estudo da vacina produzida pelo laboratório Astrazeneca, Universidade de Oxford e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), elaborado pela parceria entre a Prefeitura, Ministério da Saúde, Governo Federal, Unesp, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu, e Fundação Gates.

Todo o processo de vacinação em Botucatu tem o acompanhamento e auditoria realizadas pelas Forças de Segurança do Município (Guarda Civil Municipal, Polícia Civil e Polícia Militar), OAB Botucatu, Justiça Eleitoral, Ministério Público e Tribunal de Justiça de São Paulo.

Alunos da Unesp

Os alunos da Unesp de Botucatu, que também participaram do projeto de efetividade da vacina, receberão a 2ª dose nos mesmos moldes da primeira aplicação. A imunização ocorrerá nos dias 11, 12 e 13 de agosto, na Central de Aulas da Faculdade de Medicina de Botucatu.

2ª dose para quem recebeu a 1ª no dia 22 de maio

Para os cidadãos de Botucatu que receberam a 1ª dose da vacina Oxford/Astrazeneca/Fiocruz no último dia 22 de maio, e que têm a 2ª dose agendada para o dia 14 de agosto, a vacinação ocorrerá nos 2 ginásios que funcionaram como ponto de vacinação neste domingo: ginásios Paralímpico e Complexo Esportivo Heróis do Araguaia.

Os cidadãos devem procurar os locais portando CPF, documento de identificação com foto (RG, CNH ou passaporte), e a carteirinha indicando a aplicação da 1ª dose.

Veja também

Acontece lança documentário que conta a saga da Vacinação em Massa de Botucatu; assista