Janeiro é mês de conscientização sobre Hanseníase e Saúde Mental

Saúde
Janeiro é mês de conscientização sobre Hanseníase e Saúde Mental 03 janeiro 2022

Neste mês de janeiro, a Secretaria Municipal de Saúde abordará dois temas importantes junto à população.

O primeiro é a Hanseníase. Denominada de “Janeiro Roxo”, a campanha busca conscientizar a população sobre a doença que contabiliza anualmente 30 mil casos novos no Brasil.

A hanseníase não é doença de uma pessoa só. Dentre as estratégias de enfrentamento está a avaliação das pessoas que são contatos dos pacientes. 

A doença é tratada em 6 meses para pacientes com poucos bacilos e 12 meses para pacientes com muitos bacilos. Mas há muitos casos de pacientes com alta carga de bacilos vivos mesmo após 24 meses de tratamento.

A transmissão da hanseníase ocorre por meio de contato próximo e contínuo com paciente não tratado. Apesar de ser uma doença da pele, é transmitida através de gotículas que saem do nariz, ou através da saliva do paciente. Ela afeta primordialmente a pele, mas pode afetar também os olhos, os nervos periféricos e, eventualmente, outros órgãos. Ao penetrar no organismo, a bactéria inicia uma luta com o sistema imunológico do paciente. O período em que a bactéria fica escondida ou adormecida no organismo é prolongado, e pode variar de dois a sete anos.

A hanseníase pode provocar graves incapacidades físicas se o diagnóstico demorar ou se o tratamento for inadequado.

O tratamento da Hanseníase é gratuito e disponível em toda a Rede Municipal de Saúde.

Outro foco da Saúde Municipal em janeiro é a Saúde Mental e Emocional. A campanha “Janeiro Branco” objetiva mobilizar a sociedade em favor da saúde mental, mudando a compreensão cercada de tabus e promovendo mais possibilidades a sociedade como um todo.

Estudos apresentados pela OMS (Organização Mundial de Saúde) e Ministério da Saúde do Brasil indicam que o país tem um crescimento vertiginoso de problemas relativos à Saúde Mental e à Saúde Emocional. Segundo dados de 2017 da OMS, a sociedade brasileira é a recordista latino-americana em casos de depressão, a campeã mundial em relação à ansiedade e a 4ª colocada em relação ao crescimento das taxas de suicídio entre os jovens da América Central e da América do Sul.

Assim, todas as equipes das Unidades e Serviços de Saúde do Município estarão envolvidas nesta campanha, promovendo atividades em parceria com a equipe NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família), como atividades em salas de espera, rodas de conversa, atividades de bem estar e reflexão, dentre outras.

Mais informações:

Secretaria Municipal de Saúde

Rua Major Matheus, 07, Vila dos Lavradores

Telefone: (14) 3811-1100

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
FREIRE MOTOS
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento