HC e Hospital da Unimed atuam com capacidade acima do limite para UTI/Covid em Botucatu

O Hospital da Unimed e Hospital das Clínicas estão atuando acima do limite estrutural para leitos UTI/Covid em Botucatu. Esses dados constam no boletim coronavírus da Prefeitura, divulgado na noite de segunda-feira, 08, pelo Secretário Municipal de Saúde André Spadaro.

De acordo com os dados oficiais, até a noite de ontem o Hospital Unimed estava com 11 pacientes internados em leitos de UTI. Com capacidade para atender 10 pessoas nessas condições na pandemia, o número representa 110% de ocupação.

A ocupação cresceu consideravelmente nos últimos dias, especialmente com a procura de pacientes de fora do município na rede particular. Desses 11 leitos, 4 são estão ocupados por pessoas que não são de Botucatu.

A mesma porcentagem se apresenta no Hospital das Clínicas de Botucatu. Lá são 30 leitos habilitados para atender UTI/Covid, como todos tomados. Como são 33 pacientes nessas condições, significa que a autarquia adaptou mais 3 leitos.

O hospital tem nesse momento 19 pacientes de Botucatu na UTI, porém, recebe pacientes de diversas regiões do estado. Há 2 meses os números oscilam entre 116% e 103%, com a lista de transferência via Cross sempre lotada.

Novos leitos

Existe a possibilidade da abertura de mais 10 leitos UTI no HCFMB. Pelo menos essa foi a notícia dada pelo Prefeito de Botucatu, Mário Pardini, em publicação nas redes sociais.

Há também previsão de que 28 novas unidades sejam instaladas nas próximas semanas Ambulatório Médico de Especialidades, o AME, conforme anúncio do Governo do Estado.

Novos leitos de emergência (não UTI) foram abertos recentemente no Hospital Sorocabano e Pronto Socorro Adulto.