Exames de anticorpos para Covid-19 na população de Botucatu começam nesta terça, 12

Começa nesta terça-feira, 12, uma investigação epidemiológica em Botucatu para identificação do percentual de moradores que apresentam anticorpo para a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Essa identificação, também conhecida como “imunidade de rebanho” pode mostrar, caso o percentual for baixo, que muitas pessoas ainda correm risco de se contaminarem com o coronavírus e por isso, seja necessário manter restrições quanto a circulação de pessoas em vias públicas, intensificar necessidade de utilização de máscaras, além de promover o distanciamento social. Se for alto, significa que uma grande quantidade de pessoas já possuem esta imunidade, dando a possibilidade do poder público municipal de estabelecer medidas de flexibilização.

“Vamos dar um novo e importante passo de vanguarda em Botucatu contra o coronavírus. Essa é mais uma ação jamais vista em Municípios do Estado e que nos coloca a frente dessa luta contra a doença”, afirma o Prefeito Mário Pardini.

A coleta dos 1,4 mil testes começa nesta terça, 12. Serão 29 equipes da Secretaria Municipal de Saúde, compostas cada uma por 3 profissionais, que visitarão residências previamente sorteadas aleatoriamente, sendo que apenas um morador por residência será testado. As faixas etárias e sexo dos cidadãos que serão testados também já foram sorteados em cada setor.

“Esse tipo de teste sorológico nos ajudará a fazer este grande levantamento em nossa Cidade. Nossa expectativa é que até o fim da semana essas 1,4 mil coletas sejam realizadas e a partir do resultado delas, tenhamos uma noção ainda mais completa da incidência do coronavírus em Botucatu”, finaliza André Spadaro, Secretário Municipal de Saúde.