Doria diz que SP vai adotar passaporte vacinal se Bolsonaro não implementar medida até dia 15

Saúde
Doria diz que SP vai adotar passaporte vacinal se Bolsonaro não implementar medida até dia 15 08 dezembro 2021

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quarta-feira (8) que vai adotar a obrigatoriedade do passaporte vacinal para viajantes do exterior que chegarem ao estado caso a medida não seja implementada pelo governo federal até o dia 15.

O anúncio de Doria foi feito em sua conta do Twitter, horas após o presidente Jair Bolsonaro afirmar que “jamais” irá exigir o “passaporte de vacina”. Muitos estados e municípios já exigem o comprovante de imunização para quem quer frequentar shows, cinemas, bares, entre outros locais.

“Caso não seja implantada pelo governo federal a obrigatoriedade do passaporte vacinal para entrada de viajantes no Brasil até 15 de dezembro, São Paulo adotará para todo estado”, afirmou Doria, em sua rede social.

Embora o governo federal não adote o passaporte, nesta terça-feira, o Ministério da Saúde anunciou que viajantes não vacinados terão que realizar uma quarentena de cinco dias ao chegar ao Brasil.

De acordo com Doria, o documento sera exigido a viajantes não vacinados que chegarem ao estado de São Paulo por aeroportos, portos ou rodoviárias.

“O Brasil não pode se tornar paraíso turístico de negacionistas. O negacionismo deste país só existe na cabeça desse ministro (da Saúde, Marcelo Queiroga) e do presidente (Jair Bolsonaro). Se até 15 de dezembro o governo federal não adotar o passaporte, São Paulo vai adotar”, disse Doria, durante coletiva de imprensa na tarde desta quarta-feira.

Fonte: O Globo

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
FREIRE MOTOS
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO