Dia Mundial do Rim deste ano terá como tema “Saúde dos rins para todos”

Saúde
Dia Mundial do Rim deste ano terá como tema “Saúde dos rins para todos” 06 março 2020


Idealizado pela Sociedade Internacional de Nefrologia (ISN), o Dia Mundial do Rim tem como objetivo reduzir o impacto da doença renal em todo o mundo, sendo promovido na segunda quinta-feira do mês de março.

Em Botucatu, a data será lembrada em diversas atividades que serão realizadas durante todo o mês de Março, nas Unidades e Serviços de Saúde, conscientizando as pessoas sobre a necessidade de prevenção e diagnóstico precoce da Doença Renal Crônica.

Em 2020, a data será celebrada no dia 12 de março e trará o tema “Saúde dos rins para todos”.

“Estima-se que 850 milhões de pessoas em todo o mundo tenham doenças renais de várias causas. Um em cada dez adultos tem doença renal crônica, que é invariavelmente irreversível e progressiva. Por isso é muito importante que a população esteja sempre atenta e se previna”, afirma André Spadaro, Secretário Municipal de Saúde.

No dia 12, médicos e enfermeiros da Atenção Básica participarão de treinamento sobre prevenção, diagnóstico e tratamento da doença renal crônica.

No dia 14, a Secretaria da Saúde em parceria com o HCFMB da Unesp (Ligas do Rim e Hipertensão) estarão com stands na Praça do Bosque e no Shopping Botucatu realizando aferição da pressão arterial e fornecendo orientações sobre a prevenção da doença renal.

As unidades de Saúde do Município também estão preparadas para durante todo o mês oferecerem orientações aos pacientes.
Sobre a Doença Renal Crônica
A doença renal crônica (DRC) se caracteriza por lesão nos rins que se mantém por três meses ou mais, com diversas consequências. Os rins têm muitas funções, dentre elas: regular a pressão, filtrar o sangue, eliminar as toxinas do corpo, controlar a quantidade de sal e água do organismo e produzir hormônios que evitam a anemia e as doenças ósseas.

Em geral, nos estágios iniciais, a DRC é silenciosa, ou seja, não apresenta sintomas. Por causa disso, pode haver demora no diagnóstico e ele só acontecer quando o funcionamento dos rins já estiver comprometido, necessitando, para manutenção da vida do indivíduo, tratamento por meio da diálise ou transplante renal.

Assim, são fundamentais a prevenção e o diagnóstico precoce da doença, que tem tratamento e que pode ser observada com a realização de exames de baixo custo, como o exame de urina e a dosagem de creatinina no sangue.

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
FREIRE MOTOS
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento

Veja também

Oferecimento
VISTORI
SHOPPING INSTITUCIONAL
INSTITUCIONAL ELO
EXAME TOXICOLOGICO