Rodovia interditada por risco de queda de rocha é liberada após um mês em Santa Maria da Serra

Região
Rodovia interditada por risco de queda de rocha é liberada após um mês em Santa Maria da Serra 12 fevereiro 2022

Trecho da SP-304, entre Torrinha e Santa Maria da Serra (SP), ficou 31 dias fechado para remoção de bloco rochoso, que foi implodido no último dia 3.

O trecho de serra da Rodovia Geraldo de Barros (SP-304), entre Torrinha e Santa Maria da Serra (SP) foi liberado ao tráfego por volta das 16h desta sexta-feira (11), exatamente um mês após ser interditado, no dia 11 de janeiro, sob alegação de “precaução” contra um possível desmoronamento de rocha.

A interdição foi adotada apenas três dias após a queda de uma grande rocha de um paredão no lago de Furnas, em Capitólio (MG). Na ocasião, dez turistas morreram.

Segundo a concessionária que administra a rodovia, o desbloqueio ocorreu após a conclusão do desmonte de rocha, que começou efetivamente no último dia 3, com a implosão do bloco, que levou ao solo cerca de 4,8 mil metros cúbicos de rocha, que pesam em torno de 9 mil toneladas.

A medida preventiva que fechou 20 quilômetros da rodovia, entre os kms 225 e 245, foi adotada após equipes da Defesa Civil do Estado, da Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp), do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e da própria concessionária constatarem o risco de queda da rocha.

‘Efeito Capitólio’: trecho de serra é interditado por risco de desabamento de rocha entre Torrinha e Santa Maria da Serra — Foto: Eixo SP/Divulgação e Arquivo pessoal

Com a conclusão da retirada do material rochoso, as equipes da concessionária se dedicaram nos últimos dias nos serviços para limpeza na pista e revitalização da sinalização.

Mais obras na SP-304

A concessionária informou que deu início aos trabalhos de recuperação do asfalto da mesma SP-304, agora no trecho entre Santa Maria da Serra e Piracicaba. Recentemente, vários pontos da rodovia foram danificados em decorrência das fortes chuvas que caíram sobre a região.

Rodovia Geraldo de Barros (SP-304) também passa por obras entre Santa Maria da Serra e Piracicaba: Pare e Siga — Foto: Eixo SP/Divulgação

Desde a última terça-feira (8), equipes da concessionária estão trabalhando na fresagem e na recomposição da camada asfáltica nesses pontos, partindo do trecho localizado em Santa Maria da Serra.

Por se tratar de um trecho de pista simples, a concessionária adotou o sistema de Pare e Siga, em que apenas uma faixa da via fica liberada para o trânsito, enquanto o serviço é realizado na outra faixa. Por esta faixa liberada para o trânsito os veículos passam, alternadamente, uma vez em cada sentido.

Fonte: G1

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento