Mulher tenta entrar em Penitenciária com maconha sintética no forro da calcinha

Região
Mulher tenta entrar em Penitenciária com maconha sintética no forro da calcinha 12 abril 2022

Agentes de segurança da Penitenciária I “Tenente PM José Alfredo Cintra Borin” de Reginópolis apreenderam, no domingo (10), um pedaço de papel contendo k4, a maconha sintética. Flagrada pelo escâner corporal durante o período de visitação, esposa de um preso tentou entrar na unidade com a droga escondida no forro da calcinha. 

O flagrante ocorreu às 9h30. No momento da revista, os servidores detectaram imagem suspeita na região pélvica da mulher. Questionada, ela disse que desconhecia o conteúdo ilícito.

Depois, alegou que outra visitante teria pagado R$ 200,00 para que ela entrasse na penitenciária com a droga, que seria entregue a outro detento e não ao marido dela.

Após a descoberta, a mulher foi encaminhada à Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Bauru, onde recebeu voz de prisão em flagrante e permaneceu à disposição da Justiça.

 APARELHO DE BARBEAR

A Penitenciária II “Luiz Gonzaga Vieira” de Pirajuí também registrou apreensão de drogas, nesta segunda-feira (11). Agentes de segurança encontraram maconha em superfícies ocas dos cabos de dois aparelhos de barbear, enviados pela mãe de um detento.

A equipe localizou a droga durante vistoria realizada nas encomendas que chegam aos reeducandos. O estabelecimento penal registrou um boletim de ocorrência e instaurou procedimento interno para apurar o caso.

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento