Ministério da Educação libera início do curso de Medicina em Jaú

O Ministério da Educação (MEC) publicou portaria nesta segunda-feira (2) no Diário Oficial da União (DOU) autorizando o início das atividades do curso particular de bacharelado em medicina em Jaú (47 quilômetros de Bauru) oferecido pela Universidade do Oeste Paulista (Unoeste).

O curso irá disponibilizar 55 vagas e, inicialmente, funcionará em imóvel alugado nas dependências do Hospital Thereza Perlatti com área de 1,6 mil m². O campus próprio da Unoeste será construído às margens da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-225), a Bauru-Jaú.

A universidade revela que realizou algumas reformas no prédio do Thereza Perlatti para instalar as salas de aula, biblioteca, departamentos administrativos e os laboratórios específicos, entre eles de Microscopia, Morfofuncional, Bioquímica, Fisiologia/Biofísica, Farmacologia e Informática.

De acordo com o pró-reitor acadêmico da Unoeste, José Eduardo Creste, com a publicação no Diário Oficial da União, é possível dar prosseguimento à contratação dos colaboradores que vão integrar os trabalhos administrativos e docentes no campus e preparar o vestibular.

O edital deverá sair nos próximos dias, com informações sobre período de inscrição e data da prova. A previsão para início das aulas é 1 de agosto. Ainda segundo Creste, a universidade irá oferecer opções de bolsa de estudo nessa graduação para quem não tem condições financeiras.

‘LEGADO’

O prefeito Rafael Agostini (PSB) comemorou a autorização do MEC em sua página no Facebook. “Tenho a honra de anunciar que nossa Faculdade de Medicina está oficialmente autorizada a começar as atividades. Um dos maiores legados que meu governo deixa para a cidade”, declarou.

“Ao final de 12 semestres, ela representará cerca de 300 profissionais de saúde atuando gratuitamente nos equipamentos públicos, dentre professores, preceptores, residentes, alunos e equipe de apoio. Um hospital escola também será construído”.

ESCOLHA DE JAÚ

Visando atender a proposta do Programa Mais Médicos do governo federal de formar profissionais da área para atender em diferentes regiões do país, 37 municípios foram classificados para receber a graduação em medicina, entre eles Jaú.

As instituições de ensino interessadas fizeram inscrições e enviaram suas propostas para análise do MEC que, após triagem, selecionou a mantenedora da Unoeste, a Associação Prudentina de Educação e Cultura (Apec), para oferecer o curso.

Fonte: Jcnet