Homem se passa por pai de aluno para retirar adolescente de escola de Jaú

Um procedimento padrão adotado pela coordenação de um colégio particular impediu a liberação de um aluno de 12 anos para um desconhecido, no Jardim Alvorada, em Jaú.

A direção da escola informou que recebeu a ligação de um homem na manhã de terça-feira (13), que se apresentou como pai de um dos estudantes e solicitou retirar o filho da unidade antes do término das aulas.

De acordo com a escola, como a ordem é contatar outro familiar antes de liberar o estudante, ligaram para a mãe confirmar o pedido.

“Aqui a gente conhece os alunos. Normalmente, a mãe quem vem buscá-lo. Então ligamos para ela e ela disse que o pai dele está no Pantanal [no Mato Grosso]”, explica a coordenadora Ana Maria Contador Charur.

Ainda segundo a coordenadora da escola, a mãe estava assustada. O colégio acionou a ronda escolar da PM, que acompanhou a saída da mãe e do aluno.

Fonte: G1